Home Notícias Voz do Povo Mãe reclama de fila única; Educação justifica

Mãe reclama de fila única; Educação justifica

Mãe reclama de fila única; Educação justifica. Foto: Internet/Arquivo

A mãe de uma menina de 1 ano e 2 meses que precisa de vaga em creche da rede pública de Itajaí está desesperada com a situação da Fila Única. Ela conta que ficam mudando a ordem da criança na fila e ela não sabe mais o que fazer.

“Inscrevi minha filha na fila única da creche no dia 23 de outubro de 2019 e ela estava em sexto da fila, já no dia 12 deste mês inscreveram duas outras crianças e elas foram passadas na frente, fazendo com que minha filha fosse para a oitava posição”, explica.

Ela conta que ligou pra secretaria de Educação e foi informada que se tratava de duas transferências. “Não quis fazer confusão e desliguei o telefone, mas sabendo que quando se trata de transferência não vai pra fila, que a mesma é diretamente para novas vagas”, diz.

Depois disso arrumaram a lista e a filha foi pra mesma classificação do início, em sexto, mas agora já voltou pra oitavo.  Duas crianças, inscritas nos dias 18 e 20 de fevereiro, passaram à frente.

“Estou quase perdendo meu trabalho, pois já tive que trazer ela junto comigo várias vezes. Meu patrão não está gostando, apesar de entender a situação. Uma vergonha essa educação de Itajaí”, desabafa.

A secretaria de Educação esclareceu ao DIARINHO que as transferências têm prioridade, pois os alunos já são da rede municipal. Além disso, o processo é todo transparente, até o Ministério Público pode acessar pra acompanhamento.

Há também uma lei municipal, aprovada pela câmara de vereadores de Itajaí, em relação ao processo de ordem da fila única.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com