Home Notícias Voz do Povo Leitora reclama de demora da guarda Municipal em Balneário Camboriú

Leitora reclama de demora da guarda Municipal em Balneário Camboriú

Segurança esclarece que viaturas podem estar em outra ocorrência. (Foto: Ricardo Oliveira)

Na terça-feira, uma briga assustou moradores, comerciantes e turistas que passavam pela Alvin Bauer, perto da avenida Atlântica, em Balneário Camboriú. Uma leitora contou ao DIARINHO que era por volta das 22h30 quando mais ou menos 20 rapazes começaram a brigar.
Segundo a reclamante, o motivo da briga seria droga. “Estão fazendo da Alvin Bauer uma verdadeira cracolândia”, reclamou. A leitora diz que até assaltos estão sendo registrados no local.
No dia da briga, os comerciantes chamaram os guardas municipais, mas eles teriam demorado a chegar. Nenhum guarda foi encontrado no posto da Guarda Municipal na praça Almirante Tamandaré, na praia Central.
A secretaria de Segurança da cidade esclareceu que os atendimentos da GM levam de três a cinco minutos pra acontecerem assim que as viaturas são acionadas. “Por vezes a viatura pode estar na delegacia ou em outra ocorrência, o que pode demorar um pouco mais”, diz a nota.
O órgão também disse que reforçou o patrulhamento na avenida Atlântica. Horários foram estabelecidos pra circulação dos guardas que ficam no posto da Tamandaré pra que eles circulem pela Atlântica a pé. A secretaria disse que também é feito patrulhamento preventivo com viaturas pela Atlântica e região central.
A Segurança adiantou que nos próximos dias 37 novos guardas vão se apresentar, assim que forem convocados, e começar o curso de formação. A secretaria também vai instalar 67 câmeras de segurança nas próximas semanas, inclusive algumas vão atuar com reconhecimento facial.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com