Home Notícias Voz do Povo Comprou guarda-roupas quebrado e penou

Comprou guarda-roupas quebrado e penou

Um cliente das Casas Bahia tá indignado com o serviço de pós-venda da empresa. Ele comprou um guarda-roupas que veio quebrado e, durante quase um mês, tentou trocar o móvel, sem sucesso. Sábado passado, o cara esteve pessoalmente na loja e, na base da ameaça e com muito custo, conseguiu desfazer a compra.
“Mesmo assim, ainda fui muito mal atendido. O gerente foi debochado, como se a culpa pelo produto danificado fosse minha”, protestou o cliente, que se identificou como A.F.S. ,37 anos.
O segurança de carro-forte conta que comprou o guarda-roupas há quase um mês. Quatro dias depois, ao retirar o produto da caixa, o montador percebeu que o guarda-roupas tava quebrado. Na mesma hora, ele entrou em contato com a loja da rua Hercílio Luz, em Itajaí, onde comprou o produto.
Do dia da entrega até o sábado passado, o cliente comeu o pão que o diabo amassou na mão de gerentes e vendedores. Segundo ele, um passou a bola pro outro e ninguém quis resolver o problema. “Me enrolaram um monte. Contaram várias mentiras, dizendo que eu precisava falar com fulano e ciclano. E nunca resolveram nada”, conta o segurança.
Cansado de esperar, ele esteve sábado de manhã na loja e conversou pessoalmente com o gerente. “Ele foi muito debochado. Disse que não tinha como trocar e não teria como resolver. Então eu pedi pra desfazer a compra, e ele ainda assim tentou me enrolar”, revela.
Apesar do rolo, a loja finalmente suspendeu a compra e agendou para quinta-feira a devolução dos R$ 1400 pagos à vista pelo guarda-roupa. A empresa vai recolher o produto danificado nesta terça-feira.
O DIARINHO ligou várias vezes para a loja ontem, mas ninguém atendeu mais de 10 ligações feitas pro telefone fixo da empresa .

franciele
Formada em Jornalismo pela Univali, com MBA em Gestão Editorial. fran@diarinho.com.br
Compartilhe:

Deixe uma resposta