Home Notícias Variedades A tradição da gastronomia de frutos do mar

A tradição da gastronomia de frutos do mar

Com mais de 30 anos, restaurante é o grande ponto de referência para quem procura boa cozinha e bons preços

A costa catarinense es­conde tesouros gastro­nômicos sob pedras e corais e, nas noites de maré baixa, é possível pescar mariscos, siris, búzios e ostras, com sorte, iluminados pela lua. Foi inspirado na tradicional pesca artesanal que o Rancho do Renato, em Balneário Cam­boriú, fez a sua fama nos últi­mos 30 anos. Primeiro na Mari­na e, agora, entre as ruas Dom Daniel e Dom Diniz (Vila Real).

A nova administração fez questão de manter a simplici­dade das cadeiras de crochê, as cortinas de renda e a decoração caiçara. Durante a semana, ofe­rece bufê caseiro no almoço, e de quinta a sábado, pratos à la carte à noite.

O bufê tem 12 pratos quen­tes, 10 grelhados, oito tipos de salada e três sobremesas. O bufê livre custa R$ 22 e R$ 49,90 o quilo. Sexta tem rabada.

O carro-chefe é o rodízio de frutos do mar (R$ 45) compos­to por três entradas (sopa de siri e de frutos do mar e ma­risco à vinagrete), petiscos (ca­marão ao bafo, soltinho à mila­nesa e lula à doré) e a refeição principal, que é peixe grelhado com fritas, bobó de camarão, pirão de peixe, molho de cama­rão, arroz e sobremesa (pudim ou mousse). Para acompanhar, cerveja 600ml Original e Hei­neken e suco de fruta natural

Noite do Siri
Outro destaque é a Noite do Siri, às quintas. É o dia em que o antigo dono, Renato, traz siris e goiás para o mestre-cuca Marcos transformar em bolinhos, pastel, panqueca, pastel e sopa. E também para degustar do modo tradicional: quebrando com martelinho. Custa R$ 49,90.
No sábado, o bufê ganha várias opções de peixe, camarão, lula e marisco ao custo de R$ 47 (livre). No domingo, o bufê fica ainda mais variado, com duas opções de salmão (grelhado e com molho), ao custo de R$ 52. O quilo custa R$ 69,90.

Pratos especiais para dois

Se o cliente preferir pratos para dois, há opções de frango grelhado e à milanesa (R$ 48 e R$ 52), filé mignon (R$ 80) e peixes como moqueca de garoupa (R$ 120) e robalo ou congrio grelhados (R$ 99). A massa de frutos do mar custa R$ 59,90.
A casa também serve petiscos como o camarão soltinho (R$ 69) e mini lulas (R$ 35).
A proprietária Eliete Santos, 37, conta que o marido Marcos Graf, 54, é apaixonado por gastronomia. Além de fazer eventos particulares, ele fica à frente da cozinha à noite e está sempre inventando pratos novos, como a Quina de Camarão, composta por vários tipos de preparo do crustáceo. Ele tinha o Poço das Pedras, onde servia ostras que ele mesmo retirava do mar.
Para harmonizar os pratos, a casa fez parceria com a Delli Divinos Vinhos. Quem preferir tomar em taça, tem vinho colonial.
O Rancho do Renato aceita cartões de crédito e débito e os vale-refeição VR e Sodexo.
A casa abre às terças e quartas das 11h30 às 14h30, de quinta a sábado atende também à noite, das 19h às 23h, e aos domingos, apenas das 11h30 às 15h30.

Sandro Silva
Tem 31 anos de jornalismo, formado em pedagogia pela Udesc e com MBA em Gestão Editorial. geral@diarinho.com.br
Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com