Home Notícias Polícia Traficante Pavão é extraditado do Paraguai e vem para Santa Catarina

Traficante Pavão é extraditado do Paraguai e vem para Santa Catarina

O traficante Jarvis Chimenes Pavão, 49 anos, foi extraditado na manhã de hoje do Paraguai para o Brasil. O destino dele, a que tudo indica, será a penitenciária de Florianópolis, na capital manezinha. Aqui, ele tem uma pena de 17 anos e oito meses para cumprir por lavagem de dinheiro e ocultação e bens. A condenação é pela comarca de Balneário Camboriú. A extradição aconteceu um dia após ele cumprir a pena de oito anos no pais vizinho.

Pavão é considerado um dos maiores traficantes de cocaína do país, que comandou o tráfico de drogas em Balneário Camboriú e Itajaí entre 1994 e 2000. Conhecido como barão do pó, Pavão foi preso em 2009 numa fazenda na cidade paraguaia de Ybi-Yaú, na fronteira com Paranhos, no Mato Grosso do Sul, depois de três anos sendo procurado pela polícia do Paraguai por lavagem de dinheiro. Ele ficou trancafiado na sede da Agrupación Especializada, na capital Assunção, com forte vigilância da polícia Nacional até ontem, quando acabou a sua pena.

O departamento de Administração Prisional (Deap) ainda não confirmou em qual presídio Pavão será trancafiado e se realmente ficará em Santa Catarina, como informou a defesa do traficante à imprensa.

 

Pavão tem 17 anos de prisão para cumprir no Brasil

Fran Marcon
Formada em Jornalismo pela Univali, com MBA em Gestão Editorial. fran@diarinho.com.br
Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com