Home Notícias Polícia Superintendente da Fuman preso em operação do Gaeco

Superintendente da Fuman preso em operação do Gaeco

Marcos Muller, superintendente da Fundação Municipal de Meio Ambiente de Navegantes (Fuman), foi preso pelo grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), na manhã desta quinta-feira, durante a operação Vital.

A prisão dele é temporária por cinco dias. Marcos foi preso em casa. O Gaeco também bateu na sede da Fuman, na rua Itajaí, no bairro São Domingos, no início da manhã. A operação investiga corrupção e formação de quadrilha no órgão do meio ambiente.

São investigados na operação além do superintendente Marcos, dois sargentos do corpo de bombeiros de Navegantes, um engenheiro civil e dois empresários.

A prefeitura de Navegantes informou que teve conhecimento que o superintendente da Fuman foi conduzido de casa para o Gaeco, para prestar esclarecimentos sobre possíveis denúncias. Na Fuman, foram apreendidos o computador usado por Marcos e alguns documentos da sala dele.

A prefeitura reforça que nenhum outro servidor da Fuman foi conduzido pra prestar esclarecimentos. Em nota, o município diz que repudia qualquer ato de corrupção e apoia todas as ações no sentido de apurar os fatos e, se for o caso, aplicar as penalidades cabíveis.

O atendimento ao público e os serviços oferecidos pela Fuman seguem funcionando normalmente.

O Ministério Público ficou de divulgar informações sobre a batida ainda nesta quinta-feira.  A ação é coordenada pelo promotor Márcia Gai Veiga, da 4ª Promotoria de Justiça de Navegantes.

Fran Marcon
Formada em Jornalismo pela Univali, com MBA em Gestão Editorial. fran@diarinho.com.br
Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com