Home Notícias Polícia Repórter da Rede Record é acusado de assédio sexual

Repórter da Rede Record é acusado de assédio sexual

Gérson Souza, um dos mais conhecidos repórteres da TV Record, está sendo acusado de assédio sexual. Mais de 10 mulheres formalizaram ontem, sexta-feira, denúncias contra o jornalista.

De acordo com a secretaria de Segurança Pública de São Paulo, 12 funcionárias da Record, relataram terem sofrido abusos, mas apenas três, registraram mesmo queixa. O departamento de RH da emissora orientou as denunciantes a procurar à polícia.

Uma das vítimas, jornalista, afirma que Gérson a surpreendeu com um beijo na boca, dizendo que “que roubado é mais gostoso”. O ataque teria ocorrido no último dia 8 de maio,e não teria sido o único. “já vem de muitos anos”, contou em depoimento ao site notícias da TV, do jornalista Daniel Castro.

Denúncias são “vingança”, rebate o acusado

Para o jornalista acusado, a atitude da colega é uma vingança por críticas ao seu trabalho. Ele teria reclamado com a chefia sobre a qualidade das pautas da moça.

“Estou vendo isso como revanchismo. Tenho certeza de que ela está reagindo a uma observação que fiz sobre a qualidade do serviço dela”, afirma, classificando tudo como um “mal entendido”.

Fran Marcon
Formada em Jornalismo pela Univali, com MBA em Gestão Editorial. fran@diarinho.com.br
Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com