Home Notícias Polícia Deputado catarinense é preso em aeroporto

Deputado catarinense é preso em aeroporto

Deputado catarinense João Rodrigues

A polícia Federal prendeu, na manhã desta quinta-feira, o deputado federal de Santa Catarina, João Rodrigues (PSD). Em 2009, o parlamentar foi condenado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região a cinco anos e três meses de prisão em regime semiaberto por crimes da Lei de Responsabilidade Fiscal e da Lei de Licitações enquanto era prefeito do município de Pinhalzinho (SC).

O deputado recorreu e aguardava a execução da pena em liberdade. Mas, em dezembro do ano passado, a Procuradoria-Geral da República pediu que a pena fosse executada imediatamente porque ia prescrever no dia 12 de fevereiro. Na última terça-feira, o colegiado da Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal decidiu pelo cumprimento da pena.

De acordo com a polícia Federal, com apoio das autoridades dos Estados Unidos e Paraguai, foi possível identificar que Rodrigues estava no exterior e tinha mudado o destino final da passagem do Brasil pro Paraguai. A PF comunicou o fato ao Ministro Alexandre de Moraes, presidente da Primeira Turma do STF, que autorizou a inclusão do nome do deputado na Interpol.

Ele foi impedido de entrar no país vizinho e embarcado em voo pro aeroporto de Guarulhos, em São Paulo. Rodrigues foi preso pela PF assim que desembarcou.

João Rodrigues ficou conhecido nacionalmente em 2015 ao ser flagrado assistindo a vídeos pornôs em seu celular no plenário da Câmara dos Deputados. À época, ele disse que o vídeo havia sido enviado a ele por amigos.

A reportagem do DIARINHO não conseguiu contato com o advogado de defesa do deputado pra saber quais serão as medidas adotadas.

Mariana Reibnitz Vieira
Formada em Jornalismo pela Univali mariana@diarinho.com.br
Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com