Home Notícias Polícia Buscas ainda não localizaram acusados da chacina em Balneário Camboriú

Buscas ainda não localizaram acusados da chacina em Balneário Camboriú

A polícia Militar vasculhou um matagal atrás dos atiradores.

A polícia Militar continua as buscas aos assassinos  de três homens em uma lavação de carros, em Balneário Camboriú. O crime aconteceu na manhã de sábado, na avenida Normando Tedesco, na Barra Sul, na esquina com a 3750.

A polícia Militar vasculhou um matagal atrás dos atiradores. O que se sabe é que uma das vítimas, que ainda não foi identificada, foi encontrada sem vida dentro de um Citroen C3. O homem identificado como Ruan Carlos Milczewski estava caído no chão próximo ao veículo e o terceiro homem, identificado como Luciano Winkler, estaria no mangue do rio.

Uma testemunha presenciou o crime e conta que ouviu vários disparos de arma de fogo, e quando foi ver o que estava acontecendo viu dois homens de preto e encapuzados que entraram em um Jeep Renegade e fugiram no sentido avenida Atlântica.

A testemunha ainda relatou que logo em seguida um homem todo sujo de lama apareceu vindo do mangue, subiu em uma moto e foi embora.

Uma segunda testemunha estava no local aguardando a lavação de seu veículo, quando ouviu os disparos e fugiu em direção ao mangue. Ela afirma que só conhece o dono da lavação e que não sabe a motivação do crime.

O carro usado pelos bandidos foi encontrado na estrada geral do Barranco. Dentro do veículo foram encontrados um sapato, uma máscara balaclava, uma camiseta preta escrito  “Polícia Civil” e outras roupas, entretanto, a PM não confirmou se o uniforme é oficial. O IGP e a polícia Civil foram acionados.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com