Home Notícias Geral Teve o auxílio emergencial “roubado” no aplicativo da Caixa

Teve o auxílio emergencial “roubado” no aplicativo da Caixa

Depois de esperar por mais de dois meses para ter o cadastro aprovado no auxílio benefício do governo federal, o autônomo Cairo Rodrigo Neves Brandão não conseguiu nem utilizar a primeira parcela de R$600,00. Ele foi vítima de um golpe através do aplicativo Caixa Tem e está desde junho esperando uma solução da Caixa, mas até agora não teve retorno.

Quando acessou o aplicativo, descobriu que outro usuário já havia se cadastrado com seu CPF e retirado o valor. Os golpistas levaram apenas um dia para retirar o benefício. Depositado na conta virtual da Caixa no dia 17 de junho, o auxílio foi usado no dia seguinte com o pagamento de um boleto no valor exato de R$600,00.

Cairo, que trabalha como lavador de carros em casa, registrou um BO e foi até a agência da Caixa, na rua Indaial, em Itajaí, pedir o ressarcimento. Na agência ele foi informado que seu pedido iria para uma central de atendimento da Caixa, que retornaria o contato em 10 dias, mas nada foi resolvido. Ele retornou a agência outras cinco vezes, mas sempre recebe a mesma informação.

“Acredito que além de mim, várias outras pessoas estão na mesma situação, então preciso correr pra tentar reaver o que é de meu direito. Peguei o terceiro lote de liberação do auxílio e a segunda parcela seria agora em agosto para pagamento ou compra e para saque somente em setembro. Meu medo e dúvida é se irei receber normal as demais parcelas ou só após resolver o ressarcimento da primeira”, questiona o trabalhador.

De acordo com a assessoria de imprensa da Caixa, ele poderá movimentar as demais parcelas enquanto aguarda o resultado da análise da contestação aberta sobre a primeira parcela. A Caixa não deu um novo prazo para que o problema da primeira parcela seja resolvido.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com