Home Notícias Geral Rio das Ostras começou a transbordar e rios Peroba e Camboriú estão em estado de alerta

Rio das Ostras começou a transbordar e rios Peroba e Camboriú estão em estado de alerta

A defesa Civil de Balneário Camboriú acaba de informar que devido ao grande volume de chuva, começou a transbordar, por volta das 15h desta quarta-feira (31), o Rio das Ostras. Já os rios Peroba e Camboriú estão em estado de alerta, podendo causar alagamentos nos bairros Municípios e Iate Clube.

Dois deslizamentos de terra e rocha foram registrados na Interpraias. A pista já está sendo limpa, mas a orientação é para que os motoristas evitem trafegar pelo local. Na Estrada da Rainha houve princípio de deslizamento e o local será interditado. Para quem vem de Itajaí, deve acessar a Avenida do Estado. Já quem transita pela Avenida Atlântica, deve desviar pela Rua Miguel Matte.

Os alunos de 44 escolas e núcleos de educação infantil e também do Projeto Oficinas estão sendo dispensados de maneira preventiva.

Nas Unidades de Saúde da Vila Real e Barra foram suspensas as consultas de odontologia e os atendimentos nas demais especialidades estão prejudicados. Com apoio da Secretaria de Obras estão sendo colocadas lonas no telhado e elevando móveis e equipamentos. Nas unidades Nova Esperança, Posto de Atenção Infantil (PAI) e Centro Odontológico Especializado (COE) os atendimentos também estão prejudicados.

A Defesa Civil segue monitorando os rios e encostas e prestando auxílio à população. Ocorrências devem ser registradas no (47) 3268-3133.

Recomendações da Defesa Civil:

Alagamentos/Inundações: evitar o contato com as águas e não dirigir em lugares alagados. Evitar transitar em pontilhões e pontes submersas e cuidado com crianças próximas de rios e ribeirões.

Ventos fortes: Proteja-se em local abrigado, longe de placas, de árvores, de postes de energia e de objetos que podem ser arremessados. Se não encontrar um abrigo, agache-se com os pés juntos, com a cabeça encostada em seu peito ou entre os joelhos e as mãos cobrindo suas orelhas ou apoiadas em seus joelhos. Se estiver na praia, jamais fique na água. Não olhe para o raio. Se estiver em casa ou qualquer outro local abrigado, desligue os aparelhos eletrônicos, não use o telefone, fique longe das janelas e lembre-se, o banheiro em alvenaria é o melhor local durante uma tempestade.

Deslizamentos de terra: deve ser observado qualquer movimento de terra ou rochas próximas a residências, inclinação de postes e árvores e rachaduras em muros ou paredes. Neste caso, é recomendável que a família saia de casa e acione a Defesa Civil municipal pelo 199 ou o Corpo de Bombeiros 193.

Mar agitado: Perigo a navegação de pequenas e médias embarcações.

Elaine Mafra
Jornalista formada pela Univali em 2006. elaine@diarinho.com.br
Compartilhe: