Home Notícias Geral MP Lafer feito em Itajaí X suecão de 300 mil

MP Lafer feito em Itajaí X suecão de 300 mil

A réplica peixeira do MP Lafer compete com o NXC 90, da Volvo, em charme e exclusividade

Um parece uma visão futurista pela tecnologia, segurança e design. O outro é uma ode ao romantismo dos velhos tempos: um calhambeque fabricado em madeira de cedro rosa. O primeiro leva a marca sueca Volvo; o MP Lafer foi construído aqui mesmo em Itajaí. Ambos cativam os apaixonados por carros, sejam eles ultramodernosos ou um resgate de outros tempos. Os modelos estão em exposição na Vila da Regata: o chique no pavilhão da Volvo e o “vovô” dentro do Centreventos, ao lado da lanchonete.

MP Lafer – em cedro
O “velhinho” em madeira é uma obra de arte que Dario Agenor Rocha constrói com as próprias mãos e com a ajuda das ferramentas da sua fábrica de móveis, no Rio do Meio. Cada pedacinho é cortado em serra-fita e montado sobre a estrutura-base. O chassi de Brasília e o motor de Fusca fazem o calhambeque trafegar como qualquer outro carro.
Sendo tão exclusivo e bonito, o Lafer peixeiro pode ser alugado para cerimônias de casamento e cenário de books fotográficos.
Dario tem experiência neste tipo de criação. O primeiro carango em madeira que ele fez também era de cedro rosa e pintura em verniz. A réplica era de um Ford 1929 com chassi de madeira em compensado naval. O marceneiro ficou tão feliz que prometeu fazer um carango para cada filho. O próximo carango já está em construção, é uma Romi-isetta ou, mais popularmente, Romiseta (alguém ainda lembra como era?).
O modelo foi baseado em um original de um amigo dele. Dario tirou medidas, preparou moldes e fez a cópia o mais fiel. O modelo acompanha as modificações que a Volkswagen fez na montagem do carro no Brasil. Nos Estados Unidos, o motor ocupava a frente alongada. A versão brazuca adaptou o espaço traseiro para caber o motor, por isto só embarcam o motora e um passageiro. O porta-malas passou para a dianteira, com abertura para cima.
Ficou interessado? Dá pra levar pra casa pagando R$ 80 mil, mas tem que esperar 18 meses pra ficar pronto. Dario aceita encomendas na loja Irmãos Rocha, na rua Hercílio Luz, centro de Itajaí.

NXC 90 – de cinema
Fernanda Voi, 30 anos, e Josivaldo de Assis Júnior, 33, são fissurados por automóveis. Eles não podiam perder a oportunidade de provar a tecnologia que a Volvo está demonstrando em Itajaí: um carro com assistente, que estaciona o carango automaticamente em vagas perpendiculares e paralelas. “Show de bola”, exclamou a moça depois do test-drive. Júnior também não conteve a alegria: “De zero a 10, eu dou 11!”
Olha que a dupla andou num modelo V40. Imagina o que diria se testasse o destaque que está sendo apresentado pela primeira vez ao Brasil e em exposição no pavilhão da Volvo. O NXC 90 é uma estrela que faz brilhar os olhinhos de quem o vê. Em preto, o exemplar exposto refletia mil cores, numa pintura que atrai a atenção, logo desviada para as mil novidades tecnológicas.
Alta tecnologia a serviço da segurança pode ser o primeiro item a despertar o desejo por um, isso se tiver, no mínimo, R$ 320 mil pra pagar pelo modelo mais em conta deles.
O sistema chamado City Safety detecta carros, pedestres e ciclistas, inclusive no escuro. O carro também freia automaticamente em cruzamentos, se detectar outro em sentido contrário. Além dos equipamentos no interior do carro, um airbag externo, dentro do capô, infla em caso de acidente contra pedestres ou ciclistas. Sistema de fadiga também alerta caso o motorista caia no sono durante o trajeto. Ipad para controlar com um toque quase todos os comandos é outra modernidade que deixa a galera babando.

Compartilhe:

Deixe uma resposta