Home Notícias Geral Mais um caso de meningite em creche de Itajaí

Mais um caso de meningite em creche de Itajaí

Este ano, quatro suspeitas foram notificadas nesta creche da Vila. Duas se confirmaram

Mais um caso de meningite em creche de Itajaí
Mais um caso de meningite foi confirmado no CEI Heluiz Gonzaga, também conhecida como Creche 24 Horas e que fica na rua José Eugênio Muller, perto da prefeitura de Itajaí. Com isso, segundo a secretaria de Saúde, já são 41 casos de meningite viral confirmados este ano na cidade.
A criança infectada é uma menina de quatro aninhos, filha do conferente Marcos Roberto Argena, 36, morador da Vila Operária. Marcos contou ao DIARINHO que a filhota começou a ficar doente na noite de terça-feira. Na manhã seguinte, foi levada a um postinho de saúde e de lá encaminhada para o hospital Pequeno Anjo, onde ficou internada.
Até ontem à noite, a menina continuava no hospital.“Ela tá no isolamento, mas já apresentou melhora razoável”, informou Marcos.
A preocupação do conferente não é apenas com a filha, mas com as outras crianças da mesma creche. “Já são uns três, quatro casos este ano. A gente, graças a Deus, tem plano de saúde e consegue colocar a filha num quartinho melhor. E quem não tem?”, pergunta o rapaz.

Sem surto
Não há surto ou epidemia na cidade, tranquiliza a diretora da Saúde. Este ano, explica Greyce Mayer, diretora da Vigilância Epidemiológica, foram informados quatro casos suspeitos de meningite viral na creche Heluiz Gonzaga. Mas, afirma, somente dois realmente se confirmaram.
Greyce também diz que nenhum dos casos têm relação entre si e, por isso, não há epidemia e nem mesmo surto de meningite viram em Itajaí. Os 41 casos até agora registrados na cidade, representam metade do que foi notificado no ano passado.
Segundo ela, o protocolo de ação é fazer uma desinfecção na creche onde a criança frequenta. Segundo ela, a higienização do local é fundamental pra barrar os vírus que causam a meningite. “Nossa orientação é que não precisa fechar a escola, mas a limpeza precisa ser constante”, ressalta.
Este ano não rolou meningite meningocócica, a mais perigosa, na cidade de Itajaí.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com