Home Notícias Geral Justiça proíbe rompimento de contrato

Justiça proíbe rompimento de contrato

Prefeitura decidiu romper a concessão após falta de agua na cidade Decisão judicial mantém a empresa Águas de Penha a frente do abastecimento da cidade. O juiz Luiz Carlos Vailati Junior, de Balneário Piçarras, suspendeu os efeitos da notificação extrajudicial da prefeitura de Penha contra a concessionária Águas de Penha. Por decreto, a prefeitura de Penha pretendia romper o contrato. N[...]Assine o Diarinho
Conteúdo ilimitado do site por apenas
R$ 0,53 por dia no plano anual.
Se já possui cadastro ou é assinante faça o login
Acesso a 10 matérias por mês.
Faça o cadastro e tenha acesso a
10 matérias por mês.
Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com