Home Notícias Geral Jornalista recorre ao STF porque foi bloqueado por Bolsonaro no Twitter

Jornalista recorre ao STF porque foi bloqueado por Bolsonaro no Twitter

Um dos editores do portal de notícias Brasil 247, William mantém o canal De Lucca no Youtube

O jornalista William de Lucca, que é catarinense e hoje é um dos editores do portal Brasil 247, entrou com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal, contra o presidente Jair Bolsonaro (PSL), depois de ter a conta bloqueada pelo presidente.

De acordo com informações da jornalista Mônica Bergamo, da Folha de São Paulo, a defesa do jornalista argumenta que Bolsonaro usa sua conta no Twitter como um canal oficial de divulgação de acorda do governo, sendo indevido o bloqueio do acesso de William.

A polêmica começou depois que o jornalista comentou uma foto postada por Bolsonaro batendo continência ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, durante visita oficial no mês de agosto.

William comentou na foto: “Você está bem preocupado com interesses externos, né?”. O que supostamente teria desagradado o presidente. A Folha de São Paulo afirma que a decisão é similar a expedida pela Justiça americana, já que Trump também bloqueou usuários da sua conta no Twitter e foi obrigado pela justiça daquele país a voltar atrás e liberar o acesso a todos.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com