Home Notícias Geral Itapema teve aumento de 600% nos casos e 400% nas mortes por covid em julho

Itapema teve aumento de 600% nos casos e 400% nas mortes por covid em julho

Itapema confirmou mais duas mortes por covid-19 nesta segunda-feira. Com isso a cidade chegou a 33 óbitos desde o início da pandemia.
As duas novas vítimas fatais são um homem de 69 anos, que estava internado no hospital da Unimed, e uma mulher de 80 anos, que estava internada no hospital Municipal Santo Antônio. Os dois tinham comorbidades.
A cidade ainda tem 1728 casos positivos da doença, sendo que 1080 pessoas já estão curadas. Itapema tem 597 pacientes em isolamento domiciliar e nove pessoas internadas na UTI.
Itapema foi a cidade da região da Amfri que mais teve aumento no número de casos e mortes no mês de julho. A cidade começou o mês com 219 infectados e seis mortes. No dia 31 de julho, o município já registrava 1654 contaminados com 30 mortes pela doença.
O aumento de 1435 casos representa uma elevação de 655% no número de infectados em 30 dias. Já as 24 mortes registradas em um único mês dão um aumento de 400%.
Para enfrentar o pior mês da pandemia, o secretário de Saúde, Alexandre dos Santos, diz que o município se preparou com tudo que estava ao seu alcance: centro de triagem e testagem, locação de respiradores, aumento de profissionais, compra de medicamentos, compra de EPIs, informativos à população, intensificação da fiscalização do comércio e decretos mais restritivos.
A cidade também recebeu doação de 20 cabines Vanessa, que serão usadas na ala da covid dentro do hospital Municipal Santo Antônio. Com a cabine, a promessa é recuo de evolução do quadro clínico e até do período de internação

Aumento em toda a região
Após Itapema, Camboriú é a cidade que aparece com mais casos e mortes em julho. O mês começou com 595 infectados e 10 mortes. No dia 31 de julho, já tinham sido registrados 1825 casos (206% a mais) e 29 mortes (190% a mais).
Balneário Camboriú tinha 17 mortes e 1734 casos no início de julho. Na sexta-feira passada, a cidade chegou a 44 mortes com 4651 infectados. Foram 2917 infectados em um mês (168% a mais) e 27 óbitos (158% a mais).
Já Navegantes, começou o mês com 687 infectados e 13 mortes. A cidade terminou julho com 29 mortes e 1643 contaminados. O aumento foi de 139% casos e 123% no número de mortes.
Maior cidade da região em número de habitantes, Itajaí começou julho com 1978 contaminados e 38 mortes. O mês se encerrou com 100 óbitos e 3273 casos. A cidade teve aumento de 65,4% com 1295 casos em 30 dias, e 163% mais mortes, com o registro de 62 óbitos em um mês.

Santa Catarina em risco
O mês de julho também trouxe um aumento significativo no número de casos e mortes em Santa Catarina. O mês começou com 27.279 casos e 347 mortes. Ele terminou com 84.073 casos e 1102 mortes. O aumento de 56.794 infectados representa 208% casos a mais. As 755 mortes em um mês mostram uma subida de 217% nos óbitos causados pela doença.

Fran Marcon
Formada em Jornalismo pela Univali, com MBA em Gestão Editorial. fran@diarinho.com.br
Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com