Home Notícias Geral Estudante da Udesc está na UTI após ser ferido por passagem do ciclone-bomba; ele precisa de ajuda

Estudante da Udesc está na UTI após ser ferido por passagem do ciclone-bomba; ele precisa de ajuda

Os servidores da Udesc, em Balneário Camboriú, estão arrecadando dinheiro para ajudar o estudante Marcelo Guerreiro Chaves Filho, uma das vítimas do ciclone-bomba que atingiu Santa Catarina na semana passada, que está internado na UTI, em estado grave. Uma vaquinha online foi criada e depósitos em dinheiro também podem ser feitos para a mãe do estudante do curso de Engenharia de Petróleo.
Na terça-feira passada, por volta das 17h, Marcelo e um amigo estavam em um galpão, no sítio da família do estudante, em Camboriú, quando o ciclone-bomba atingiu a região.
Brayann Cardozo, primo do aluno, conta que o galpão desabou e cada um correu para um lado. “Infelizmente, meu primo foi atingido pelos escombros e ficou gravemente ferido”, conta.
O resgate foi feito pelo Samu, que, segundo Brayann, levou 40 minutos para chegar ao local. “Com a passagem do ciclone, o sítio ficou sem energia elétrica, então um vizinho teve que ir até a cidade para chamar o socorro”, explica.
A demora agravou o estado de saúde do Marcelo. Quando o Samu conseguiu chegar, o estudante estava desacordado e quase sem vida, pois, além da fratura exposta, havia perdido muito sangue. “O estado do Marcelo é grave. Por isso, qualquer ajuda é bem-vinda”, enfatiza Brayann.
Marcelo está com ferimentos na tíbia, no fêmur, no quadril, na bacia e na terceira cervical, além de luxações na região do peito e de infecção pulmonar. Ele está internado na UTI do hospital Ruth Cardoso.

Precisa de ajuda
Pra realizar o tratamento, ele precisará de recursos para despesas com medicamentos, remédios e equipamentos especiais. Pra contribuir com qualquer quantia, as pessoas podem entrar no site Vakinha Virtual [https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajude-o-marcelinho-acidente-ciclone-extratropical] ou fazer depósito para a mãe dele, Simone Castro Cardozo, CPF 642.469.659-87, na Caixa Econômica Federal, agência 3523 e conta corrente 00002698-4, operação 013. Até à tarde desta quinta-feira, a família tinha arrecado R$ 9 mil dos R$ 20 mil que tem como meta.

Fran Marcon
Formada em Jornalismo pela Univali, com MBA em Gestão Editorial. fran@diarinho.com.br
Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com