Home Notícias Geral Cresce número de praias próprias para banho em Santa Catarina

Cresce número de praias próprias para banho em Santa Catarina

 

O relatório de balneabilidade desta semana, feito e divulgado pelo Instituto do Meio Ambiente do Estado de Santa Catarina (IMA), mostrou aumento no número de pontos de praias do litoral catarinenses que estão próprios para banho. De 79,5%, que foi o resultado do relatório feito na semana passada, passou para 82,1%. As coletas foram feitas de 9 a 13 de dezembro.

Balneário Camboriú tinha dois pontos impróprios e caiu para um: na lagoa de Taquaras, na praia de Taquaras. O pontal Norte da praia Central, que ficou famoso pela polêmica de vazamento de esgotos no Marambaia apresentou resultados positivos – diferente do ultimo relatório.

Barra Velha tem três pontos impróprios – na Lagoa de Barra Velha e em dois pontos da praia de Barra Velha: na rua Antonio R. da G. Moura e em frente à rua Humberto Pimentel. O ponto em frente a avenida Armando Petreli está próprio.

Bombinhas está com todas os nove pontos próprios para banho. No último relatório, apenas a praia de Bombas tinha apresentado resultado negativo, mas isso foi revertido. Itajaí, Navegantes e Piçarras tiveram os mesmos resultados da última coleta: todas as praias próprias.

Itapema continuou com o resultado da última análise: seis pontos. São eles nas ruas: 113, 163, 319, 149, 261 e 227.  Apesar do mesmo número de pontos próprios, os locais mudaram (confira no mapa).  Penha aumentou um ponto com resultado negativo – ao todo são cinco. São eles: praia Alegre (frente à travessa Macelo dos Santos), Praia da Armação do Itapocorói (frente às ruas Antonio Aniceto da Costa, Blumenau, Maria Emília Costa e Inês de Souza).

Porto Belo tem dois pontos impróprios na praia em de Perequê – rua alm. Fonseca Neves e na Foz do rio Perequezinho.

Os pontos que recebem a análise de balneabilidade possuem placas que apontam os resultados. No site do IMA (balneabilidade.ima.sc.gov.br) dá pra ter mais informações, não só da balneabilidade, como histórico, quantidade de coliformes fecais encontrados, temperatura da água, situação do clima durante a coleta, entre outros.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com