Home Notícias Geral Cliente diz que vendedor de loja de celulares a chamou de “pé de chinela”

Cliente diz que vendedor de loja de celulares a chamou de “pé de chinela”

Chegar a uma loja e se sentir discriminado ou mal atendido pelo vendedor é uma situação embaraçosa, mas o que aconteceu com Andreza Oliveira da Silva, de 20 anos, moradora de Itajaí, foi mesmo numa on-line. Ela relata que foi discriminada por um vendedor de uma loja que se recusou a vender o aparelho pelo WhatsApp.
A leitora conta que estava pesquisando os valores para trocar de aparelho celular e que, durante uma conversa pelo whats da loja, disse que não compraria o aparelho com eles por causa do atendimento. O vendedor respondeu “não quero vender pra você. Muito pé de chinela. Nossos clientes são classe A premium. Não queremos clientes do seu nível. Passar bem,” narra, ao exibir o print da conversa.
Andreza acabou bloqueada pela loja, que segundo ela, apagou em seguida as mensagens. Ela procurou a reportagem do DIARINHO porque espera que ninguém mais passe por uma situação desagradável como essa.
“Fui discriminada sabendo que tenho condições de comprar qualquer celular. Nenhuma pessoa deve ser tratada desse jeito,” lamenta.
A reportagem do DIARINHO entrou em contato com o telefone informado por Andreza, mas o contato afirmou desconhecer a situação. O homem garantiu que não tem loja on-line, nem perfil no instagram e disse que vende baterias para celulares e faz assistência técnica no quintal de casa. Segundo ele, tentou vender um celular pelo site OLX, uma moça entrou em contato à noite, mas não houve negócio. “Ficou me chamando, me perturbando ligando, mas nunca trataria ninguém assim”, afirma.
O Procon de Santa Catarina já registrou um aumento de mais de 300% nas queixas relacionadas a compras pela internet nos primeiros meses de 2020. Até o dia 18 de maio de 2020, o órgão recebeu mais de 12 mil reclamações. Para fazer reclamações, basta acessar o site www.consumidor.gov.br ou procurar uma unidade do Procon, das 13h às 18h. Em caso de dúvidas, o telefone para contato é 151.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com