Home Notícias Geral Catarinenses morrem em vazamento de gás no Chile

Catarinenses morrem em vazamento de gás no Chile

Cinco catarinense foram encontrados mortos em um apartamento em Santiago, no Chile, na tarde de quarta-feira. A suspeita é que o grupo teria sido vítima de uma vazamento de gás.

As vítimas moravam em Biguaçu, na região metropolitana de Florianópolis. Os mortos são o casal Fabiano de Souza, 41 anos, e Débora Muniz Nascimento de Souza, 38, e os filhos Caroline Nascimento de Souza, que completaria 15 anos esta semana, e Felipe Nascimento de Souza, 13.

Também morreram Jhonatas Nascimento Kruger, de 30 anos, irmão de Débora, e a esposa dele, Adriane Krueger. O casal morava na cidade de Hortolândia, no estado de São Paulo. A família estava passeando em Santiago para comemorar o aniversário da filha. Eles voltariam em breve para voltar ao Brasil, pois a mãe de Jhonatas e Débora faleceu na madrugada desta quarta-feira.

Débora disse a uma prima, por meio de mensagens no celular, que o grupo estava se sentindo mal, e que estava com medo de um possível envenenamento. De acordo com a AFP, a família teria inalado gás, segundo o comandante da polícia chilena. Eles chegaram a pedir ajuda ao consulado brasileiro, que foi até o endereço com policiais. Os socorristas tiveram que arrombar a porta do apartamento, encontrando já todos mortos.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com