Home Notícias Geral Advogados da região mantêm restrições ao novo endereço da Justiça Federal

Advogados da região mantêm restrições ao novo endereço da Justiça Federal

Justiça diz que mudança foi pra economizar.

Durante uma audiência pública feita nessa quarta-feira na sede da OAB de Itajaí, os advogados se mostraram contra a mudança de endereço da Justiça Federal. Eles entraram em um consenso de que o lugar é inapropriado e não cumpre o seu papel social.

O prédio da Justiça Federal, antes, ficava na avenida Contorno Sul, no bairro da Ressaca, mas agora atende anexo ao hotel Hilton, na avenida Osvaldo Reis, na praia Brava.

Os advogados reclamam, principalmente, da falta de acessibilidade no novo prédio, principalmente pra cadeirantes. Eles contam que tiveram casos da cadeira de rodas não passar pela porta de perícia e a pessoa teve de ser colocada em outra cadeira.

Outro ponto que lhes incomoda é o acesso dos clientes até o local. Há casos de pessoas terem de pegar mais de um transporte, e não são todos que tem grana pra isso. Outra reclamação é a falta de estacionamento próprio da Justiça Federal. Até tem estacionamento perto do prédio, mas os clientes têm de pagar pra usar, o que incomoda os advogados.

Outros pontos também foram levantados na audiência, como o constrangimento que algumas pessoas sentem  ao entrar em um hotel pra tratar de assuntos judiciais.

Mudança é pra economizar

Na tarde de quarta-feira, antes da audiência, representantes de Justiça Federal se reuniram com a diretoria da subseção de advogados e explicaram que a mudança se deu por motivos econômicos.

Em nota, eles disseram que as instalações no hotel Hilton são R$ 40 mil mais baratas do que na sede anterior. Além disso, o prédio antigo precisaria ser reformado e isso custaria R$ 300 mil.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com