Home Notícias Esporte Vencer ou vencer!

Vencer ou vencer!

Título do turno da Segundona será decidido neste domingo, em dois jogos às 15h30

Marinheiro visita o Hercílio Luz contando com ‘ajuda’ do Barra em Palhoça

Aúltima rodada do turno do Catarinense da Série B promete muitas emoções neste domingo. O Marcílio Dias visita o líder Hercílio Luz precisando da vitória para ultrapassá-lo na tabela. Mas isso pode não ser suficiente para a conquista do título. O Marinheiro ainda torce por um tropeço do Guarani de Palhoça, que também tem 16 pontos, e recebe o Barra. Se o Bugre vencer pela mesma diferença de gols que o Marcílio em Tubarão, fica com a taça e a vaga direta nas semifinais por ter um gol a mais de saldo. Os dois jogos acontecem às 15h30.
Para alcançar seu objetivo, o Marinheiro conta com uma grande novidade no banco de reservas neste domingo. O técnico Renê Marques já comandou os treinos desta quinta e sexta-feira e precisará quebrar um tabu pessoal para levar o Marcílio ao título. Como técnico do Almirante Barroso, Renê nunca venceu em Tubarão: foram quatro partidas e quatro derrotas (uma delas que deu o título da Série B de 2016 ao Barroso).
Agora pelo Marcílio, ele espera voltar do sul do Estado com mais uma taça na bagagem. “Infelizmente não dependemos só de nós, mas vamos trabalhar bastante para fazer a nossa parte e conquistar esse título em Tubarão. Mesmo que não seja possível o título, temos que somar pontos para a classificação geral e essa vitória é muito importante”, avalia Renê.
Para enfrentar o Hercílio Luz, Renê será obrigado a fazer três alterações em relação ao time que enfrentou o Guarani. O zagueiro Rogélio, o lateral André Krobel e o meia Rodrigo Couto estão suspensos. Com isso, Eduardo, Zé Victor e Sávio podem ter nova chance na equipe.
“O Marcílio Dias é o maior desafio da minha carreira e estou muito feliz por estar no clube. Conversei com os jogadores e disse que se grupo que conquistou 12 pontos nos últimos cinco jogos, é porque tem qualidade. Agora vou começar a colocar a minha cara e a maneira que eu acho que temos que jogar a Série B”, completa.

Barra e Camboriú
O Barra é só o sétimo colocado do turno com 10 pontos, mas nem por isso entra em campo neste domingo só para cumprir tabela. Depois de perder em casa para o Operário, o Pescador se vê obrigado a somar pontos em Palhoça. Como a classificação geral dará duas vagas para as semifinais, em caso de nova derrota, o Barra pode acabar a primeira parte da Série B com até sete pontos atrás dos quatro primeiros colocados.
Após o último jogo, o técnico Luciano Dias deixou o campo prometendo mudanças na equipe. Voltando de suspensão, o atacante Jean Carlos está a disposição para enfrentar o Guarani. Já o volante Luiz Grando deve continuar fora por lesão.
Já o Camboriú também entra em campo de olho na classificação geral. Em quarto lugar com 14 pontos, a Cambura recebe o Jaraguá às 10h30 de domingo, no estádio Robertão. Nesta partida o Tricolor será comandado pelo auxiliar técnico Linho, depois que o treinador Rodrigo Cascca pediu seu desligamento na quinta-feira. Além da volta do artilheiro Brasão, que estava suspenso na quarta-feira, o Camboriú pode ter a estreia do atacante Diego Santana, 22 anos, ex-Barroso.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com