Home Notícias Esporte Cílio mete goleada

Cílio mete goleada

Com dois gols e uma assistência, David Batista foi o destaque da vitória por 4 a 1. Marinheiro goleia o Fluminense na estreia da Copa SC 

O Marcílio Dias começou a Copa Santa Catarina com goleada. Na tarde de sábado o Marinheiro foi a Joinville e bateu o Fluminense por 4 a 1 na Arena. Depois de Lito abrir o placar, David Batista marcou dois gols e fez a jogada do gol de Welton Paraguá, que fechou a goleada. O gol do Fluminense foi contra do próprio David Batista, anotado para Victor pelo árbitro do jogo.
Na próxima rodada o Marinheiro volta a jogar fora de casa, dessa vez contra o Avaí, na quarta-feira, às 20h10, no estádio da Ressacada.

Alegria da torcida
O torcedor que foi a Arena Joinville apoiar o Marinheiro precisou esperar apenas três minutos para soltar o grito de gol na arquibancada. Lito cobrou falta da entrada da área e acertou o ângulo do Fluminense, abrindo o placar para o Marcílio Dias. O gol fez com que o time da casa partisse pra cima e levasse perigo à meta de Vitor Prada. Na melhor chance, Alexandre desviou na pequena área, mas por cima do gol.
A resposta do Marcílio veio em uma falha do goleiro Gabriel. Após lançamento de Gilmar, o arqueiro saiu da área para pegar a bola, mas se atrapalhou e perdeu a dividida com David Batista, que só teve o trabalho de empurrar para as redes aos 32 minutos.
O inspirado atacante do Marinheiro voltou a balançar as redes aos cinco minutos do segundo tempo em bela jogada que começou com o passe de Giba para Nathan. O atacante foi até a linha de fundo e cruzou para David Batista, sozinho na linha da pequena área, tocar para o gol.
Nome do jogo, David Batista também foi decisivo para o gol de honra do Fluminense. Aos 16 minutos Victor cobrou falta rasteira na área, Batista tentou cortar e acabou enganando o goleiro Vitor Prada. O árbitro da partida anotou o gol para o lateral do tricolor.
O centroavante marcilista participou também do último gol do Marcílio. O jogador ganhou a disputa com o zagueiro e tocou de letra para Welton Paraguá, na meia-lua, bater colocado no canto e fechar a goleada. O quinto só não saiu porque o chute cruzado de Nathan parou no goleiro Gabriel.

Fran Marcon
Formada em Jornalismo pela Univali, com MBA em Gestão Editorial. fran@diarinho.com.br
Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com