Home Notícias Quentinhas Vereador diz que funcionária entrou no apê da prefeita com grana pública

Vereador diz que funcionária entrou no apê da prefeita com grana pública

“Ele vai ficar como sempre: abandonado no canto dele”. Com essas palavras a prefeita de Bombinhas, Ana Paula da Silva (PDT), rebateu as críticas do vereador Celino Santos Filhos (SD). O vereador criticou a prefeita numa das sessões da câmara e sugeriu a criação de uma CPI para apurar supostas irregularidades na cobrança e depósito da grana da taxa de Preservação Ambiental, a TPA.
Celino sustenta que valores declarados na TPA não foram depositados na conta destinada para a taxa, que será cobrada até o dia 15 de abril dos turistas que foram curtir Bombinhas. “Aos meus olhos, existem duas contas. Isso me traz dúvidas. Tem uma conta específica aqui com R$ 1.057.980,25. Isso numa conta unicamente criada para a TPA. Não sei por que, cargas d’água, existia um valor em outra conta. Apareceu mais um dinheiro: R$ 169.172. E de repente, esse dinheiro pulou para a conta devida da TPA. Eu não estou dizendo que há roubo, mas é uma irregularidade. Eu vejo como necessária a criação de uma CPI para apurar os fatos. Nossa função aqui é simpática e antipática”, descascou o vereador. Até ontem, a tal CPI ainda não tinha sido criada, já que Celino precisava de, pelo menos, três assinaturas de colegas. Só tinha duas.
Além da TPA, Celino acusou uma funcionária da prefeitura de dar expediente no apê da prefeita com grana pública, recolhida da zona azul.
Paulinha ficou dicara com as acusações, mas diz que tá tranquila, já que, segundo ela, Celino mais fala do que prova. “Eu só tenho pena dessa funcionária, que é efetiva da prefeitura e trabalha há muitos anos. Eu fiz um churrasco na minha casa para alguns vereadores e essa funcionária foi convidada. Isso é ridículo da parte dele. Ele fantasiou e já está passando de todos os limites”, carcou Paulinha.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com