Home Notícias Quentinhas Quem não colaborar vai levar multa, diz nova lei

Quem não colaborar vai levar multa, diz nova lei

Nova lei também prevê o uso da força policial pra que agentes possam entrar em todas as casas e comércios de Itajaí

O combate à dengue vai ser intensificado em Itajaí, inclusive com uma mordida no bolso de quem não se ligar. Foi aprovado, em primeira votação na câmara de Vereadores, um projeto de lei que prevê que os fiscais de endemias peçam ajuda policial caso sejam barrados em alguma casa ou comércio. Quem não permitir o acesso poderá receber uma visitinha dos puliça, tomar multa e, em caso de estabelecimentos comerciais, ter o alvará cassado.
O projeto foi aprovado com 16 votos favoráveis e passará por segunda votação na próxima sessão da Câmara. Daí segue para aprovação do prefeito Jandir Bellini (PP). A lei obriga a comunidade a se engajar no combate de possíveis criadouros do mosquito e determina que proprietários de imóveis comerciais, industriais e residenciais evitem a água parada a qualquer custo, nem que precise ser usada força policial.
Além de medidas simples como a obrigatoriedade de lacrar caixas d’água e cisternas, o projeto indica punições pra quem não colaborar. Poderão rolar multas e até a cassação do alvará de funcionamento de lojas. Pra isso, Jandir explica que a polícia Militar vai estar engajada. “Se algum estabelecimento comercial não deixar os agentes entrarem, a polícia será chamada e a entrada acontecerá de qualquer maneira”, adianta.
Os moradores que não abrirem a porta de casa receberão advertência e podem levar multa de R$ 2749,20. Se for estabelecimento comercial, as atividades podem ser suspensas por um mês e, em casos extremos, pode ser cassada a autorização de funcionamento.

327 doentes
O número de pessoas com dengue em Itajaí chegou a 327. Dados da diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (Dive) apontam que até o momento foram registrados 1259 casos suspeitos em Itajaí. Destes, 672 foram descartados e 260 ainda aguardam o resultado do exame.
Na região, Balneário Camboriú e Navegantes também registram casos da doença. Até agora três pessoas contraíram dengue em Balneário Camboriú e 62 aguardam o resultado do exame. Em Navegantes há uma pessoa com dengue e 13 esperando para tirar a dúvida.

O que diz a lei peixeira
Casas e lojas
– Moradores e responsáveis pelos locais ficam obrigados a manter os reservatórios, caixas d’água, cisternas ou similares devidamente tampados;
Borracharias e ferros-velhos
– Pneus e recipientes que possam juntar água deverão estar totalmente cobertos;
Floriculturas
– Vasos de flores deverão estar com areia para não acumular água parada. Espécies como bromélias, que acumulam água em meio às folhas deverão ser mantidas em locais cobertos;
Cemitérios
– Vasos e floreiras de sepulturas e túmulos deverão estar furados embaixo ou preenchidos com areia;
Imóveis para locação
– Os responsáveis pelos imóveis que estão vazios deverão garantir que vasos sanitários, caixas de água e ralos externos estejam vedados;
Piscina
– Quem tem piscina em casa deverá fazer tratamento semanal à base de cloro.
Tags

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com