Home Notícias Quentinhas Marejada começa com comilança, feira e shows

Marejada começa com comilança, feira e shows

Evento terá comida boa, atrações musicais da região, feira, regatas, festa açoriana e até espaço para a criançada

Hoje, a partir das 19h, será aberta oficialmente a 30ª edição da Marejada, em Itajaí. A tradicional festa portuguesa terá apensas seis dias este ano, de 10 a 15 de novembro, e não está integrada a eventos náuticos como Volvo Ocean Race ou a Jacques Vabre.
Mesmo com poucos dias e orçamento enxuto, o festerê terá diversas atrações com muita comida, shows de artistas locais, feira, exposições e espaço para a criançada. Regatas náuticas e a festa Cultural Açoriana de Santa Catarina (AÇOR) também estão na programação. A entrada no Centreventos é gratuita.
A expectativa da prefeitura é receber 70 mil pessoas durante os seis dias de festa. A secretária de Turismo, Maria Valdete Orci, afirma que o feriadão de Proclamação da República, no dia 15, deve ajudar a movimentar a festa. “Vamos aproveitar o feriado, tomara que dê sol”, comenta.
Este ano, a festa deve custar cerca de R$ 600 mil. Segundo Valdete, a prefeitura conseguiu o patrocínio do banco Bradesco, com R$ 250 mil, além do valor arrecadado com o aluguel dos espaços para restaurantes e barraquinhas e os 15% em cima de tudo o que for vendido de comida e 30% de bebida. Com isso, ela acredita que todos os custos da festa serão cobertos. “Ou pelo menos 90% deles. Se faltar, será cerca de R$ 50 mil”, observa. 

Música e atrações para a criançada
Cerca de 60 músicos e bandas locais vão se apresentar nos palcos dos pavilhões 1 e 2, montados na Vila da Regata, e no palco interno do Centreventos. Hoje, a abertura oficial acontece no pavilhão 1 com a Banda Oficial da Marejada, autoridades e a tradicional sangria do barril de chope a partir das 19h.
Depois, as apresentações seguem com Giana Cervi, às 20h, e o grupo Jeito Diferente, às 22h30, no palco do pavilhão 1. No pavilhão 2 tem Edgand’s, às 20h, e banda GT 80 às 22h30.
O DIARINHO traz a programação diária da festa nas próximas edições.
Nesta quinta e sexta-feira os portões da Marejada abrem das 18h até à uma. De sábado até terça-feira a festa começa mais cedo, a partir das 11h e segue até a uma.
Além dos shows, a Vila da Regata e o interior do Centreventos terão diversos espaços culturais montados para a criançada. O Sesc traz muitas brincadeiras com espaço especial no evento. Também haverá o projeto PoliOlímpico, que leva a prática de esportes para os pequenos, além do Planetário e de um contêiner cultural.

Festa açoriana e regatas
Pela segunda vez, Itajaí recebe a edição anual da Festa Cultural Açoriana de Santa Catarina (Açor).
A primeira edição da Açor aconteceu há 23 anos e em 2016 ela retorna para integrar a programação da Marejada. A Açor acontece de sexta a domingo.
Segundo a secretária de Turismo, a festa pretende manter vivas as tradições açorianas e traz várias apresentações culturais como o boi-de-mamão. No total, 21 municípios com influências açorianas vão expor no Centreventos.
Devem acontecer ainda durante a Marejada duas regatas náuticas. A 13ª Regata Marejada de Vela Oceânica terá 15 veleiros e a largada será em Florianópolis com destino à Itajaí. Já a 2ª Regata de Vela ANI Monotipos contará com 20 barcos e será realizada na baía Affonso Wippel.

Feira Expo Itajaí no Centreventos
Cerca de 60 expositores vão ocupar o interior do Centreventos. A Expo Itajaí reúne expositores de diversos segmentos, desde móveis, barcos, moda, feira náutica, exposições de artistas plásticos de Itajaí, artesanato e muito mais.
Marcelo Acelino, organizador da feira, diz que a expectativa é grande. “Onde a feira está é a entrada principal da Marejada e este ano vamos ter apresentações no palco interno. Com isso queremos que as pessoas fiquem mais tempo dentro do Centreventos”, explica.
Até ontem, a estrutura estava pronta e os expositores estavam montando seus espaços e ajeitando os últimos detalhes para receber o público. “Tá todo mundo trabalhando em ritmo acelerado,” diz.
Além das exposições, dentro do Centreventos tem um bar para a venda de cerveja e chope e um restaurante. O Pérola Nativa, de Florianópolis, vai oferecer um cardápio mais sofisticado, com ostra gratinada e peixes. Também tem espaço para as crianças e a área pet, onde cãezinhos estarão à venda e para doação.

É para comer muito!
Na Marejada o que não pode faltar é o bom e velho peixe. Neste ano, para homenagear ainda mais o alimento, um pavilhão inteiro foi montado só para vender sardinha na brasa, bolinhos de peixe e camarão, isca de peixe e espetinho de salmão. O pavilhão 1, chamado de Sardinha na Brasa, também vai ter os tradicionais doces portugueses.
Já no pavilhão 2, o Culinária Brasil, serão servidos outros pratos como porções de batata frita, frango, peixe, caldeirada e escondidinho de frutos do mar, bacalhau e muito mais. O preço dos pratos varia entre R$ 10 e R$ 65. Além da comilança, tem chope das marcas Germânia, Itajahy, Zehn e Heineken.
A venda dos tíquetes para a compra dos pratos e das bebidas será em contêineres e o pagamento pode ser em dinheiro ou cartão de débito ou crédito. Pela Vila da Regata também tem carrinhos de churros, pipoca, coco queimado, hambúrguer, pizza, açaí, sorvete e crepe.

Confira os preços:
– Sardinha na brasa: R$ 10 por cinco unidades
– Isca de Peixe: R$ 30
– Porção de Camarão: R$ 35
– Espeto de Peixe: R$ 12
– Caldeirada de Frutos do Mar: R$ 35
– Macarrão Pene com Camarão ou Salmão: R$ 30
– Escondidinho de Frutos do Mar: R$ 40
– Paella: R$ 30
– Camarão à pururuca ou Lula à dore: R$ 45
– Bolinho de Bacalhau: R$ 16
– Strogonoff de bacalhau: R$ 35
– Lombo de Baalhau à Portuguesa: R$ 65
– Batata frita com isca de peixe ou de frango: R$ 23
– Batata frita: R$ 20
– Doces portugueses: variam de R$ 4 a R$ 7
– Mix de Frutos do Mar: R$ 50

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com