Home Notícias Quentinhas Mais de 170 participam da 20ª Corrida de Garçons e Garçonetes

Mais de 170 participam da 20ª Corrida de Garçons e Garçonetes

Evento foi concorrido: teve trabalhadores, convidados e até uns candidatos se aventurando

A tradicional Corrida de Garçons e Garçonetes de Balneário Camboriú, realizada pelo sindicato dos Empregados no Comércio Hoteleiro, Bares, Restaurantes e Similares da Região (Sechobar), finalmente saiu e com a participação em peso do público.
A corrida rolou ontem pela manhã e foi disputadíssima: 172 corredores no total. Teve até candidato a prefeito e a vereador carregando a bandeja, além de uma categoria para o pessoal da imprensa.
Ganhou a corrida quem não deixou a garrafa de cerveja cair da bandeja durante o percurso de 180 metros pelas areias da praia central e ainda chegou à frente dos adversários. Um total de 151 profissionais de Balneário Camboriú e cidades da região se inscreveram. A premiação foi em dinheiro este ano. Foram R$ 2 mil para o primeiro colocado, R$ 1 mil para o segundo e R$ 750 para o terceiro.
Davi dos Santos, 28 anos, garçom do restaurante O Pharol, de Balneário Camboriú, foi o vencedor na categoria masculina. Ele mora na cidade há sete meses, mas esta não foi sua primeira corrida. Davi já ganhou um prêmio em Vitória, no Espírito Santo, em 2012.
O vencedor conta que, apesar de não ter treinado, os amigos e colegas de trabalho deram a maior força para que levasse o troféu pra casa. “O meu treino é na vida, no dia a dia do trabalho”, faz questão de dizer. Os R$ 2 mil do prêmio ele pretende gastar na comemoração.
Ainda na categoria masculina, Cesar Augusto Tonial, 24, ficou em segundo lugar e Natan Rafael Maquelin, 24, levou o terceiro prêmio.
As mulheres também correram. Nathaly Krüger, 23, funcionária do restaurante Lindomar, de Penha, ficou em primeiro lugar. Esta foi a primeira corrida que ela participou e isso que nem teve tempo de treinar. “Eu vim na sorte, fiquei muito nervosa na hora, nem acredito que ganhei”, conta.
A grana do prêmio, ressalta, veio em boa hora. “Eu preciso trocar os quatro pneus do meu carro, tava precisando desse dinheiro”, conta.
Em segundo lugar ficou a garçonete Juliana de Andrade Janjob Morale, 31, e o terceiro com Daiana Nascimento Oliveira, 25.

Candidatos também correram na praia
Como em todas as edições em ano eleitoral, a 20ª corrida não poderia ser diferente: teve uma categoria específica só pra políticos. Um grupo de 14 candidatos, entre pretendentes a prefeito, vice e a vereador participaram.
O vencedor foi Cleiton da Silva, que além de ser candidato a vereador, é garçom.
Até os jornalistas e radialistas que foram cobrir o evento acabaram competindo. A galera do DIARINHO também participou. A repórter Dayane Bazzo foi a penúltima na categoria feminina para jornalistas e Matheus Berkenbrock o segundo no masculino.

Ano com menos demissões também é motivo de comemoração
Oficialmente, a corrida acontece há 20 anos para comemorar o Dia do Garçom, que é 11 de agosto. Mas já na década de 70 do século passado eventos similares costumavam acontecer em Balneário Camboriú.
Olga Ferreira, presidenta do Sechobar, conta que este ano existem mais motivos para comemorar. Segundo a sindicalista, o número de rescisões pós-temporada de verão diminuiu, em comparação ao ano anterior.
Em abril deste ano, mês em que um grande número de trabalhadores costuma ser demitido, caiu em 20% as rescisões, se comparado com o mesmo período do ano passado.
Atualmente, afirma a presidenta do Sechobar, são aproximadamente cinco mil garçons e garçonetes registrados na região, entre Balneário Camboriú e Barra Velha.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com