Home Notícias Quentinhas Justiça breca funcionamento do WhatsApp em todo o Brasil

Justiça breca funcionamento do WhatsApp em todo o Brasil

Se você tá viciadinho nessa nova mania do celular, aguenta aí: decisão judicial doidona pediu o bloqueio do funcionamento do aplicativo de mensagens WhatsApp (o famoso zap-zap) em todo o Brasilzão de meu Deus a partir da 0h de hoje. De acordo com reportagem do jornal Folha de São Paulo, as operadoras de telefonia do país receberam uma determinação judicial visando impedir que o povão carque o dedão no aplicativo de troca de mensagens por 48 horas.Conforme a matéria, a medida teria sido imposta sob pena de multa pela Justiça de São Paulo por meio de uma medida cautelar, e envolve investigação de quebra de sigilo de dados. A justiça não revelou nem a pau quem é o autor da ação, que pode deixar o povão desnorteado da vida.Segundo a Folha, as operadoras afirmaram, por meio do órgão que representa as empresas, que vão cumprir a determinação judicial e brecar o zap-zap. O programinha é um dos cinco mais usados no Brasil para troca de dados, e come uma fatia de 13% desse serviço. E não é a primeira vez que rola a brecada no bichinho. Em fevereiro último, um juiz lá do Piauí ordenou que provedores de internet e de conexão móvel, como as operadoras de telefonia, suspendessem o serviço em todo o Brasil – o objetivo seria forçar o aplicativo a colaborar com investigações da polícia do estado. O serviço de mensagens não estaria ajudando em investigações realizadas desde 2013 e que teriam relação com crimes (“graves”, diz o juiz, mas sem especificá-los) contra crianças e adolescentes.O bloqueio, no entanto, não chegou a ser efe-tuado. Um desembargador do Tribunal de Justiça do Piauí suspendeu a decisão, após as operadoras terem impetrado um mandado de segurança. Pesquisa encomendada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) ao instituto MDA mostrou que a maioria dos usuários brasileiros de celulares é contra a regulamentação do aplicativo e uma consequente cobrança de impostos do serviço –de um universo de 92,9% que afirmaram possuir celular, 84,9% não são a favor de regras para o WhatsApp no país. Entre os que possuem smarpthones, 60,6% afirmaram utilizar o app.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com