Home Notícias Quentinhas Começou a correria no Mercado de Peixe

Começou a correria no Mercado de Peixe

Veja quanto estão custando os peixinhos mais caros e os mais baratos

Mariana Vieira
geral@diarinho.com.br

Com a aproximação da Páscoa, é comum aumentar o movimento no popular mercado do Peixe de Itajaí. No sábado o povão já tava garantindo o pescado pra semana toda, mas a expectativa dos comerciantes é que as vendas bombem mesmo a partir de hoje.
No sábado, o movimento começou a aumentar a partir das 9h da matina. Pessoas aproveitaram a folguinha do final de semana pra ir até o principal entreposto de pescados da região e garantir o alimento pra semana santa.
Foi o caso do atendente comercial José Otávio, 57 anos. Ele faz questão de dizer que segue à risca a crença religiosa de não comer carne vermelha nessa época do ano.
Apesar de não ter encontrado tanta variedade de peixes como esperava, comprou sete quilos de diferentes espécies com a intenção de garantir o peixe da semana. “O preço tá bom. Já vim agora pra pegar adiantado. Se deixar pra semana que vem, pega peixe muito caro, o preço vai subir”, ensina.
José Walmor Serpa Junior é presidente da associação dos comerciantes do centro Municipal de Abastecimento Paulo Bauer, que abriga o mercado de peixe. Ele confirma que chegou a rolar falta de variedades de pescados por lá. Mas agora, garante, os balcões já foram abastecidos.
A partir de hoje, Júnior espera dar uma impulsionada nas vendas que, segundo ele, ainda estão fracas, se comparadas ao ano passado. “Na última semana [antes da Páscoa] sempre dá mais movimento. Esse ano por causa de greve, crise, é imprevisível falar quanto, mas a expectativa é que venda bem”, acredita o presidente da associações dos donos de boxes do mercado.
Apesar da reclamação dos comerciantes, o movimento de clientes era grande no sábado. O peixeiro José Maria de Oliveira, 44, não parava de atender clientes. A expectativa, acredita Zé Maria, é comercializar cerca de mil quilos de peixes cada banca durante a semana.

Preços mais em conta
É a variedade de produtos o que atrai clientes ao mercado do peixe, afirma Junior, da associação dos comerciantes do centro Municipal de Abastecimento Paulo Bauer. A professora Viviane Pires, 41, concorda.
Moradora de Balneário, ela veio a Itajaí justamente pra encher o freezer de peixes pra semana Santa. “Aqui a variedade e o preço são melhores”, afiança, fazendo uma comparação com as peixarias da sua cidade.
Com três sacolas carregadas de 10 quilos de tudo quanto é fruto do mar – lula, cação, corvina, charuto –, a professora Viviane deixou a banca feliz da vida pelas compras.
Não rolou aumento abusivo de preços. Apenas os importados, como salmão e bacalhau, subiram o preço por conta da alta do dólar.

Confira aí os horários do mercado de peixe de Itajaí
• De hoje até quinta-feira
Das 7h da matina às 18h.
• Sexta-feira Santa e no sábado
Abre às 7h e fica até às 14h pra atender a galera que deixa pra comprar tudo na última hora.

Caminhões do Peixe:
Itajaí

O caminhão do Peixe da prefeitura de Itajaí adianta a agenda e começa a visitar hoje as comunidades da cidade. Pela programação, o loteamento Rio Bonito, no São Vicente, é o primeiro a receber o caminhão, que vende pescados a preço de indústria. Ele ficará estacionado na rua Arquiteto Nilson Edson dos Santos, junto à subprefeitura.
Na terça, o programa Peixe nos Bairros estará na frente da escola Melvin Jones, na rua Sebastião Romeu Soares, no Brejo. Na quarta, atenderá o povão do Bosco (o caminhão estaciona no pátio do parque Dom Bosco). Na quinta, a agenda é na rua Indaial, na frente da igreja católica do bairro São Judas.

Balneário Camboriú
No Balneário, o caminhão do Peixe funciona somente durante a semana Santa. Na quarta-feira, estará na avenida Central, no centro da cidade. Na quinta, estaciona na esquina da rua Paraguai com a avenida Palestina, no bairro das Nações.
Na sexta-feira Santa ele não roda. Mas, no sábado, o caminhão do Peixe estará no bairro dos Municípios.

CONFIRA AÍ O PREÇO
PEIXES MAIS CAROS / PREÇO (POR QUILO)

Salmão R$ 44 a R$ 49 (filé)
Congrio R$ 69,99
Bacalhau R$ 70 (dessalgado)

PEIXES MAIS BARATOS / PREÇO (POR QUILO)
Sardinha (charuto) R$ 6 (sujo) ou R$ 10 (limpo)
Pescadinha R$ 12
Corvina R$13,99 (posta limpa)
Anchova R$ 18 a R$ 20
 

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com