Home Notícias Quentinhas Balde de água fria

Balde de água fria

No mesmo dia que saiu o Jornal do Município com as primeiras portarias de nomeação dos novos comissionados do prefeito barbudinho, Volnei Morastoni (PMDB), uma nova edição do jornal oficial deu um verdadeiro banho de água fria em quem aguardava pela boquinha. Das 144 portarias de nomeação, 94 foram canceladas na edição extra.

Será o acaso?
Estranhamente, grande parte dos novos aspones, digo, assessores, que tiveram a nomeação cancelada, tem algum tipo de enrosco. Até mesmo o comunicador Sandro Garcia, que durante a campanha atuou como uma metralhadora contra a opositora, a BBB Anna Carolina (PSDB), e teve a nomeação cancelada.
Abandonados
Outra que teve a nomeação suspensa foi a ex-vereadora Neusa Girardi, que havia sido indicada para o cargo de abobrona do Desenvolvimento Social. Corre à boca miúda que ela deve fazer par com o bigodudo Laudelino Lamin, que ajudou Volnei na manobra para derrubar a sumida dama de ferro Eliane Rebello do PMDB, e agora amarga um abandono de dar dó. Oh, dor!
Isolado
Analistas sabichões de primeira hora analisam a composição do governo do barbudinho Volnei Morastoni, como profecia do apocalipse. Dizem os entendidos que pela lista de nomeações é possível constatar que Volnei Morastoni e seu filho Thiago caminham para o isolamento político total dentro de seu próprio governo.
Grupos
Nas análises, pelo menos dois grandes grupos já se encontram organizados e em plena operação política, um terceiro seria o do barbudinho e seus técnicos estrangeiros e dos amigos, que estariam mais perdidos do que baratas tontas no meio do tiroteio, tonando-se assim meras figuras decorativas diante da obrigatória sustentação política, caminhando sem freio para tornarem-se reféns das forças organizadas. Já vimos esse filme?
Manda brasa
Érico Laurentino (PMDB) toca com mãos de ferro um dos grupos, onde encontram-se a velha guarda do PMDB e alguns puxas, grupo este que segundo perdigueiros da coluna, já se encontra em rota de colisão com o segundo grupo comandado pelo todo poderoso Marcelo Saldré, ops, Sodré (PDT).
Nem te ligo
Ambos os grupos de Érico e Sodré, teoricamente, teriam que promover toda a articulação política de sustentação do isolado barbudinho, mas, até agora o que se ouve é que a disputa é por espaço de poder, ignorando assim o chefe maior.
Brigas
A treta entre os dois grupos majoritários começou por conta de disputas de espaço na educação. O pit bull de Érico Laurentino, a Bete Bittencourt (PMDB), teria tentado emplacar uma pá de seguidoras na secretaria nos cargos cedidos aos seguidores dos preceitos brizolistas, aí, do pescoço pra baixo tudo virou canela entre os generais do PMDB e PDT.
Ameaça
Perdigueiros ainda levantaram pelas entranhas do paço da Vila Operária que, o cancelamento das intrigantes nomeações do início da semana, teria sido uma imposição de Érico Laurentino ao prefeito Volnei Morastoni, inclusive com ameaça de rompimento. O argumento de Érico Laurentino teria sido uma espécie de multa do Procon, pois Sodré teria vendido três vereadores e só entregue dois. Oh, coisa!
Impressão
A impressão que se tem é que venceram a eleição sem a expectativa de vencê-la, pois não há planos e nem projetos claros. O que se ouve são algumas expectativas de algumas promessas mais contundentes do período eleitoral, no mais, tudo é terra arrasada e brigaceira de foice no escuro. Ui, ai, ui, aiiiiii!!!
Silêncio ensurdecedor
Em Navega Beach também é ano novo. Porém, na política, existe controvérsia. Dizem os linguarudos de plantão que embora eleito e agora empossado, o “cabeça lustrada” Emílio Vieira começa o mandato como passageiro. Nenhuma decisão mais forte e a mesma equipe de governo. Já tão tacando o pau nele e dizendo que definições urgentes, sobretudo, nas áreas de saúde e educação, não podem mais ser postergadas.
Sob nova direção?
Com este cenário, sugerem os faladores que se coloque uma faixa na prefa dengo-dengo do tipo “Sob nova Direção” para que se possa comentar que houve alguma mudança. Parece que até mesmo a antiga foto do “Bob Carlos” continua na parede do gabinete. Arreda, cambada!

Ontem, o prefeito de Camboriú, Elcio Kuhnen (PMDB), e o vice-prefeito, Ramon Jacob (PP), receberam a visita do deputado estadual Aldo Schneider (PMDB) e do deputado federal, Rogério Peninha Mendonça (PMDB), que vieram estrebuchar verbas para a city

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com