Home Notícias Quentinhas Artista vai expor obras em igreja do centro

Artista vai expor obras em igreja do centro

As 15 estações da Via Sacra vão ficar permanentemente nas paredes da capela

O sonho nasceu há 39 anos. Ainda criança se encantou com as pinturas que cobrem o teto da igreja Matriz do Santíssimo Sacramento de Itajaí e decidiu, naquele momento, que iria ser artista plástico. Hoje Walmir Binhotti, 46 anos, realizou parte do sonho e vai entregar à igreja do colégio Salesiano 15 quadros da Via Sacra, a representação das principais cenas da Paixão de Cristo, desde a condenação e morte até o sepultamento e a ressurreição.
As obras serão instaladas na igreja e entregues à comunidade no dia 13 de agosto, um sábado, véspera do Dia dos Pais. O quadro que representa a última das estações da Via Sacra, que mostra a ressurreição, já foi entregue ao Salesiano. Os demais ainda estão no ateliê do artista.
As obras fazem parte do sonho de Walmir que só foi realizado com a ajuda do amigo Altair Westphal, que apresentou o artista ao pessoal da ordem Salesiana. “Isso é muito importante pra mim. Desde os sete anos de idade, quando entrei na igreja Matriz, que eu me encantei com as pinturas e imaginei que um dia poderia ter uma igreja com pinturas minhas. E isso acontece agora, depois de quase 40 anos”, dispara o artista plástico, sem esconder a emoção.
Os quadros das 15 estações da também chamada Via Crucis têm 39 por 40 centímetros e serão instalados nas laterais da capela. Walmir conta que a primeira tela foi pintada há mais de um ano. As outras foram pintadas a partir de junho do ano passado.

Material da Itália
Ele usou óleo sobre tela. As telas foram trazidas da Itália e substituem o algodão pelo linho. “Eu me dediquei muito. Creio que será uma obra que vou deixar para os meus filhos, netos e bisnetos e vai ficar ali pra sempre”, diz, orgulhoso.
Walmir é casado há 29 anos e tem dois filhos. Ele vive do trabalho como artista.

Dia dos Pais
A assessoria do Salesiano informa que a capela foi restaurada em 2013 e faltava apenas a obra da Via Sacra. A inauguração do espaço com as obras acontece às 19h do dia 13, durante a celebração da santa missa do Dia dos Pais.
Toda a comunidade pode participar e conhecer a obra do artista, que é aguardada com expectativa pelos fiéis que frequentam a igreja.
A capela fica na rua Gil Stein Ferreira, esquina com a Felipe Schmidt, junto ao colégio Salesiano, no coração de Itajaí.

Binhotti tem trabalhos expostos até no exterior
Walmir nasceu em Floripa, mas se mudou para o bairro São Vicente, em Itajaí, quando tinha seis anos. É onde vive até hoje. Na época, começou a estudar na escola Municipal Aníbal César e com sete anos visitou a igreja Matriz pela primeira vez. “Eu fiquei encantado, parecia que tinha visto o céu”, conta, ao se lembrar do encantamento que sentiu.
As pinturas no interior da igreja chamaram a atenção do garoto e ele decidiu, naquele momento, que seria pintor, um artista das telas.
O começo foi difícil. Walmir conta que o pai, agricultor e carpinteiro, queria que o filho seguisse os mesmos passos, arrumasse um trabalho com carteira assinada na área da construção civil ou da carpintaria.
A mãe ele perdeu com 11 anos e os irmãos nunca foram muito ligados à arte. Apesar da reprovação da família, Walmir não desistiu do sonho e começou a pintar aos 13 anos.
Ele não estudou em faculdades e nem fez cursos de arte. Tudo o que sabe aprendeu sozinho, estudando em casa e praticando muito. Hoje, o artista com 33 anos de carreira, já teve seus trabalhos expostos pelo Brasil afora e até no exterior. Suas obras foram vistas na França, Itália, Portugal, Espanha, Áustria, Índia, entre outros países.
Walmir temdois estilos de pintura. Um deles é a arte mais abstrata, misturando o realismo com algo ofuscado, uma parte desenhada e outra não. O segundo estilo é o sacro, a pintura com temas religiosos. O artista pinta em telas de linho e até em azulejos.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com