Home Notícias Quentinhas “Quer casar comigo?”

“Quer casar comigo?”

Apaixonado faz pedido, com carro de som, dos molhes para o navio da noiva

“A mulher da minha vida”, resumiu o autônomo José Viebrantz, 23 anos, enquanto esperava, no molhe de Navegantes, a chegada do barco em que estava a noiva. Franceli Helena Moreira Rosa, 30, marinheira de convés, voltava de uma empreitada em um navio abarrotado de contêineres, quando ouviu a melodia de “Quer Casar Comigo”, de Bruno e Marrone. Na proa, ela gesticulava, fazia sinais de coração, mandava beijos. A cena foi marcante pra todos que estavam entre os molhes, na tarde de ontem. Por fim, o sim esperado pelo rapaz veio através de uma mensagem no celular.
O fim da história é feliz, mas os três anos que passaram juntos foram recheados de momentos de superação. O casal de Penha começou a namorar em 5 de junho de 2011, data gravada na aliança de compromisso de José. Foram cinco meses de felicidades e festança. No dia 8 de novembro de 2011 veio uma prova na vida do casal. “Eu estava dirigindo minha moto e sofri um grave acidente. Acabei quebrando o pescoço e fiquei paraplégico. Mesmo assim, ela ficou ao meu lado. A maioria das pessoas sumiria, mas ela ficou comigo”, conta.
Na época, Franceli passou 24 dias com seu amado na UTI. Após o acidente, eles tiveram que refazer a vida. Para José, depois do que passou, tudo ficou muito marcante. Eles prosseguiram tendo o amor como base e o sertanejo universitário como trilha sonora. “Nós gostamos bastante do estilo, apesar de não termos uma música nossa”, explica.
A trilha da declaração foi inteiramente sertaneja, todas com letras que expressam o amor. A primeira música foi “Duas Vidas”, de Henrique e Juliano, seguida de uma mensagem de amor. Ainda teve duas canções de Jads e Jadson: “Amo Você” e “Anjo”. A seleção finalizou com mais uma mensagem e a esperada “Quer Casar Comigo”, de Bruno e Marrone.
José surpreendeu com o pedido de casamento espalhafatoso. Um carro de som com 77 mil watts RMS de potência espalhava som para todos os lados. O rapaz fez toda a preparação e chamou os amigos. Franceli completou 30 anos ontem e a galera veio para homenageá-la. Tava todo mundo tão concentrado no níver que pouca gente entendeu que tava rolando um pedido de casamento. “Fiz tudo isso e ainda não avisei ninguém que vai rolar o pedido. Quem sabe sou eu e o DIARINHO”, brincou.
O rapaz matutou muito pra garantir um pedido de casamento muito original. “Pensei em dar um buquê de rosas, mas não achei tão legal. Depois pensei num carro de tele-mensagem. Aí ia contratar vários carros. Mas, no fim pensei, quero um negócio grande. E fiz isso”, contou o apaixonado.
O navio apareceu de surpresa e quase que passa sem que José conseguisse expor seu amor. A entrada do Mercosul Suape rolou com um fundo de pôr-do-sol digno de cena de filme de amor. A música e o foguetório estremeceram o molhe de Navegantes. Franceli respondia com gestos de amor, enquanto o rapaz dava sinal de luz com o farol do carango.
Franceli não pode participar do começo da festa, já que ainda estava trabalhando no momento da declaração e seu navio ia demorar pra atracar. Mas, para o noivo, tudo foi ótimo. “Valeu. Agora vamos curtir. Estou esperando a mensagem, mas não tem viagem perdida. Ela entendeu a mensagem. Estou muito feliz pelo que aconteceu,” comemorou.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com