Home Colunistas Universo do Trabalho Administrar conflitos no trabalho

Administrar conflitos no trabalho

Conviver com diferentes pessoas e consequentemente diferentes opiniões não é fácil. Sempre tem o dia em que você não está bem ou que seu colega não está bem. Há também aquela pessoa que por mais que você se esforce não consegue manter um relacionamento mais amigável, apenas o estritamente profissional, aqueles cujos “santos não batem”.
Somado a tudo isso há a pressão para que o trabalho seja feito, ocorra corretamente e é claro que em algum momento com todo esse turbilhão de coisas haverá conflito.
A questão é como lidar com os conflitos no trabalho? Algumas pessoas simplesmente deixam passar, fazem de conta que nada aconteceu para não se aborreceram ou por medo do que o outro vai dizer ou falar. Isso normalmente causa muito mal-estar e desanima bastante o profissional. Há também aqueles que chegam para tirar satisfações como se estivessem num ringue de briga e os que nem tentam solucionar com o colega, vão direto para a mesa da diretoria reclamar. Digamos que nenhuma das três alternativas é a adequada, pois no primeiro caso, sempre haverá algo mal resolvido que fará mal ao envolvido; no segundo, isso pode causar problemas ainda maiores no trabalho e no terceiro, a tendência será de que se torne cada vez mais difícil manter um ambiente harmonioso e de integração entre os membros da equipe.
Então como agir?
Em primeiro lugar faça o possível para evitar o conflito, procure manter um bom relacionamento e estar aberto a conversa com seus colegas.
Se o conflito ocorrer mantenha a calma, não se altere e jamais ofenda a outra parte. Tente resolvê-lo diretamente com a pessoa, sem pular degraus e ir para o superior sem sequer tentar conversar com a parte envolvida. Se você estiver errado, peça desculpas, se ele estiver saiba aceitar as desculpas e conviver bem com isso. Procurem conversar também sobre o que pode ser feito para que os conflitos não ocorram mais.
Se você tentar resolver o conflito com a pessoa envolvida e isso não for possível, aí sim procure seu superior imediato e converse a respeito, diga que gostaria de solucionar e precisa da ajuda dele. Jamais fique na mesa do seu chefe criticando o seu colega o tempo todo, fale da situação ocorrida e da sua tentativa de resolver e que não teve resultado.
Avalie sempre a sua parcela de culpa na história para que possa melhorar e não passar por situações como esta novamente.
Acima de tudo, aceite que o conflito ocorreu, não faça de conta que não houve. Isso só trará mais prejuízos a você e ao seu colega. Procure resolvê-lo logo ao invés de ficar enrolando e deixando o tempo passar.

Dicas para manter um bom ambiente de trabalho

Tudo começa pelo chefe, na medida em que ele respeita, é acessível e justo com a equipe, a tendência é que a equipe siga o mesmo caminho.
Você enquanto profissional deve manter uma postura amigável, respeitar o outro e cooperar com a equipe. Dar bom dia, boa tarde, tchau, bom final de semana não mata ninguém e contribui muito para um ambiente agradável.
Saiba sempre o momento certo de descontrair, sem exagerar.
Jamais faça fofocas sobre os membros da equipe.
Quando há respeito entre os membros de uma equipe o ambiente sempre é agradável.

Universo do Trabalho
Taísa da Silva Cassol é psicóloga clínica e organizacional – CRP 12/06288 - taisapsico@gmail.com - facebook.com/psicologataisa
Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com