Home Colunistas Coluna Roberto Azevedo Moisés está entre provas e versões

Moisés está entre provas e versões

O que faz com que as bombásticas revelações da servidora de carreira Márcia Regina Geremias Pauli de que o ex-secretário Helton Zeferino (Saúde) não disse a verdade ou que o secretário Douglas Borba (Casa Civil) trouxe a empresa Veigamed para dentro da dispensa de licitações e as reiteradas negativas de ambos tenham um vínculo: todas precisam provar suas versões.

Márcia Regina defende os seus 30 anos de serviço público e não quer entrar para a história como a improvável única ordenadora de uma operação de R$ 33 milhões, pagos antecipadamente, para adquirir 200 respiradores (ventiladores mecânicos) para UTIs e, neste momento, Borba que luta por sua credibilidade, já bastante abalada depois da revelação de que amigos eram os procuradores do Hospital Psiquiátrico Espírita Mahatma Gandhi, vencedor da impugnada dispensa de licitação do hospital de  campanha de Itajaí.

Dentro do mesmo governo de Carlos Moisés da Silva, que diz ter afastado a servidora Márcia do cargo gratificado de superintendente de Gestão Administrativa da Secretaria da Saúde para preservá-la, deveria se pensar seriamente em destino semelhante a Douglas, mas aí para se preservar, em meio aos arranhões sofridos pelo articulador político desgastado na interlocução com a Assembleia.

Ela alertou!

Márcia Regina garante, na entrevista concedida à NDTV, que alertou sobre os problemas no processo de compra e foi ignorada. Há um personagem, citado por ela, que falava em nome de Borba, circulava com desenvoltura pelo governo e sequer é servidor, um ótimo petisco para as dezenas de investigadores, da Polícia Civil, Ministério Público, Ministério Público de Contas, TCE, Judiciário e Assembleia.

Apoio

Há um grupo de secretários e assessores de alto escalão de Moisés que admite nos corredores e gabinetes que cansou das interferências de Douglas Borba, uma verdadeira insurreição, que vai longe e bate na porta do gabinete da líder do governo na Assembleia, deputada Paulinha da Silva (PDT), igualmente irritada com a situação. Na visão deles, Borba tomou conta do governo, age como para-raio e impede o acesso direto ao governador, além de pressioná-los com o uso do nome do chefe do Executivo.

Epílogo

Nas últimas horas cresceu a versão, mais uma entre tantas, de que Douglas Borba foi decisivo para o não da deputada federal Carmen Zanotto (Cidadania) para assumir a pasta da Saúde, depois de desabalada carreira desde a Capital Federal até a Capital de Santa Catarina. Na conversa definitiva, já de posse de todos os documentos e, asseguram, com a licença do cargo encaminhada na Câmara, Moisés ocupou cerca de cinco minutos, Borba 45 minutos, o que fez a parlamentar recuar de qualquer possibilidade diante do que ouviu.

Maturidade

Na reunião da Comissão de Constituição e Justiça desta terça (5), o deputado João Amin (PP) fez um reconhecimento inimaginável há alguns anos. Elogiou publicamente a atitude do ex-governador Eduardo Pinho Moreira (MDB) por ter proposto uma ação para impedir a execução das debêntures da Invesc, uma operação de R$ 7 bilhões que quebraria o Estado de Santa Catarina. Amin mostrou coerência.

 

SÓ ADVERSÁRIOS
A composição da CPI dos Respiradores é uma lista de nove críticos ao governador Carlos Moisés da Silva e será uma surpresa digna de um milagre se deste grupo sair algo palatável para a administração estadual. Do presidente Sargento Lima (PSL) ao relator Ivan Naatz (PL), que propôs a investigação, não resta a menor dúvida do desconforto para o governador. Valdir Cobalchini (MDB), digamos entre os moderados, abriu mão para Lima ser o comandante da banda, o restante é só pauleira, como certa flexibilidade por parte de Moacir Sopelsa (MDB), que já reclamou muito das questões ligadas ao agronegócio. Felipe Estevão (PSL), Fabiano da Luz (PT), João Amin (PP), Milton Hobus (PSD) e Marcos Vieira não dão trégua, o que se antevê é uma carnificina política em ano eleitoral ou em nome da defesa do bolsonarismo raiz. Na foto, os quatro parlamentares significam um verdadeiro campo minado para Moisés.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com