Home Colunistas Coluna do JC Peixinho deu golpe na festa do Marisco

Peixinho deu golpe na festa do Marisco

Rolou baita festa de confraternização de fim de ano do pessoal da procuradoria da prefa de Itajaí. Só alegria!

Empresário forasteiro que foi contrato pela prefeitura de Penha para organizar a festa mais popular da cidade, a do Marisco, deu golpe na praça. O buxixo é que o tal Peixinho distribuiu vários cheques sem fundo e se mandou.

Fujão
A prefa de Penha teria notificado o cara esta semana. Mas pra quem distribui cheques sem fundo na praça, notificação extrajudicial não parece surtir muita preocupação. Tem que pegar pesado. Afinal, é inaceitável que se contrate uma empresa pra tocar a festa do Marisco, que usa o nome do município, e o sujeito distribua cheques sem fundo a fornecedores. A prefeitura, por sua vez, se atém a “notificar” o cara. Isso depõe contra a cidade.

Discreto
Como quem não quer nada e quase secretamente, o Podemos peixeiro, que é presidido pelo futebolista Níkolas Reis e tem nos seus quadros locais nomes de peso nacional como o ex-deputado federal e presidente do conselho consultivo do InovAmfri, Paulinho Bornhausen, fez sua confraternização de final de ano na noite da última quarta-feira.

Regabofe
Os perdigueiros da coluna não deixam nada escapar a este socadinho escriba ficou sabendo que o rango foi por conta do chef, ops, do presidente do Foro Metropolitano da Foz do Rio Itajaí, que briga que briga na justiça pelas marginais e acessos da região, o Rafael Mayer. Ele preparou um baita estrogonofe que deixou o diretório com gostinho de quero mais.

No jogo
Além do Rafael Mayer, se fizeram presentes os pré-candidatos a prefeito da sigla, o vereador bonzinho pastor Édson Lapa (PL, por enquanto), e o empresário e filho de desembargador José Agenor Aragão Júnior, que tão na labuta pra fortalecer os seus nomes e os nomes do partido.

Peso
Que o Podemos tem bons nomes para a majoritária e um ótimo articulador político é indiscutível. Resta saber se terão cacife pra bancar uma boa nominata de vereadores pra sustentar esses bons nomes. Quem viver verá.

Dobradinha
Outra coisa positiva é que se lá no PP do ex-homem dos galináceos, ex-prefeito Jandir Bellini, der o narigudo Tarcísio Zanelatto ou o polido João Paulo, a verdade é que ambos têm bom trânsito com a tchurma do Podemos, e tem tudo pra rolar uma parceria entre as siglas. Mas as coisas só estão começando.

E por falar em PP
A tropa mais antiga do partido do prefeito que mais tempo governou a city peixeira não diz na frente, mas lasca por trás que tá fula com essa coisa de bater chapa. Segundo os perdigueiros de plantão (afasta bocudos), o João Paulo não tem nada que estar na disputa. A cadeira é do Zanelatto pro bem até do próprio João.

Carrega o piano
É que um gosta mesmo é de uma boa conversa e de ar-condicionado, mas em ano eleitoral o que precisa é pé na estrada e sair “tratorando”, literalmente. E o nome do narigudo Tarcísio Zanelatto é o que tá mais no coração da pepezada dasantiga porque o homi arregaça as mangas e faz chover. Em breve, cenas dos próximos capítulos…

Papa anjo
Na próxima quarta-feira a Comissão de Ética da piramidal casa do povo se reúne pra analisar o caso do vereador teacher Acácio da Rocha, o papa anjo (DEM), que foi condenado por transar por uma menor e ainda por cima filmar o ato. Pizza de que sabor?

BC Port
O projeto BC Port comemorou vitória nas redes sociais com relação as tentativas frustradas de liminar protocoladas pela ONG IDEIA. Dizem os linguarudos da Dubai Maravilha do Atlântico, que André Guimarães está radiante.

Mas tem mais…
Problema é que o projeto BC Port ainda é uma questão complexa. No despacho, o desembargador Cândido Leal Jr, considerou que a implantação do projeto é uma questão complexa ao extremo e que demanda estudos aprofundados sobre a configuração exata do mega projeto.

Segue
A ação civil pública vai prosseguir e a decisão de negativa de liminar é provisória. Tem que definir se o IMA é ou não é o órgão competente para fazer o licenciamento ambiental, bem como para definir com cuidado a posição do município.

Muita água pra rolar
Além de muita água pra rolar, há um começo de desaprovação popular ao projeto do BC Port. A turma começou a entender que haverá hotel, shopping, restaurantes em cima do mar, uma verdadeira balbúrdia. Fontes da Maravilha garantem que nem os comerciantes levam fé no projeto, que tira da cidade diversos clientes… eita.

Contra o aumento
O prefeito da Mariscolândia, Aquiles da Costa (MDB), em nota, se manifestou contra o aumento de 20% nas torneiras na tarifa que é cobrada pela empresa Águas de Penha. O alcaide advertiu que se a empresa insistir no aumento, a prefa vai tomar as medidas necessárias pra barrar a majoração da tarifa.

Abusiva
Além de pedir para a empresa brecar o aumento, o prefeito Aquiles também solicitou a revisão da cláusula contratual que determina esse aumento na tarifa, por entender que ela é extremamente abusiva ao consumidor.

JC
JC é colunista político do Diarinho, o jornal que todo mundo lê, até quem diz que não. A missão do socadinho escriba é disseminar a discórdia, provocar o tumulto e causar o transtorno, para o bem da coletividade.
Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com