Entrevistão

Um dos espaços mais almejados na imprensa da região é o Entrevistão do nosso DIARINHO de todos os dias. E, ao contrário do que alguns podem pensar, não se trata de puxar sardinha pra brasa do jornal. Já vi muita gente, muito político babar louco pra ter uma oportunidade de aparecer e mostrar suas ideias e propostas nas páginas do único jornal impresso diário e portal de notícias, ambos realmente lidos do nosso litoral.

Pracabá…

Daí que não entendo candidato que diz querer ser eleito (ou reeleito) fazendo cara de paisagem, verdadeiro cu doce para participar das sabatinas. Acreditam que já estão eleitos sem dar satisfações de suas ações? Ou temem perguntas que não tenham resposta para dar? Seriam simples covardes ou burros mesmo?

Fujona!

Enquanto a maioria conta os dias pra estar nas páginas do jornal que todo mundo lê, até quem diz que não, a prefeita de Itapema, Nilza Simas (PSD), candidata à reeleição, fugiu da entrevista. Disse que tá com a agenda cheia. Qual pergunta inconveniente Nilza teria medo de responder?

Jogo ganho?

Quem se acha eleito ou reeleito, tem que se cuidar e tomar juízo. Não existe eleição ganha e nem eleição perdida até encerrar a votação. Cada voto é importantíssimo. Acompanhei uma porrada de pleitos. Salto alto, ego, vaidade, puxas e gente paga pra vender sonhos, que acaba por derrubar muito candidato. Nilza perdeu a oportunidade de se manifestar e vai perder votos de quem não curte postura de fujão ou fujona.

Subprefeitura não!

Em Navega-City, no último finde, teve o ato de lançamento do Plano 25, que traz as principais propostas do candidato a prefeito Liba Fronza (DEM), no bairro Gravatá. Durante o discurso, o empresário dengo-dengo meteu bronca e disse que uma das medidas será dar fim às subprefeituras.

Sem rabo preso

Liba também mandou o recado para os bagrões do outro lado da vala de que não tem rabo preso com ninguém e ressaltou o fato de todos os integrantes da sua coligação Transforma Navega (DEM/PSL/Solidariedade) não terem passado político. “Nós somos livres”, disse o postulante.

Impressionou

Quem achava que o empresário dengo-dengo estava a passeio, parece ter se equivocado. Uma penca de gente se fez presente no evento, com muita buzina, bandeiraço e coro de “eu vim de graça”. Foram contabilizados mais de 300 carros e motos, que após o ato presencial saíram em carreata em direção ao centro, passando pela Meia Praia e o Pontal, e retornaram depois ao Gravatá.

De graça

Linguarudos de plantão dizem que o grito “eu vim de graça” é recado para uma certa campanha na city do outro lado do rio que estaria encontrando formas de inchar certos eventos. Se é só lorota de corrente de zapzap ou não, vai se saber depois.

Busões

O candidato a prefeito de Itajaí, Osvaldo da mancha branca Mafra (SD), afirmou que se eleito, já nos primeiros dias de mandato, vai abrir uma licitação pra contratar uma empresa pra realizar o transporte público. E, que pensando na sustentabilidade, será exigido que 50% dos ônibus sejam elétricos. Interessante.

Julça

O candidato a vereador de Itajaí, Julcemar Ferreira, o Julça (PDT), visitou a choupana do escriba. Julça já foi atleta de handebol e basquete da city peixeira. Formado em Gestão Pública, foi vereador e ocupou importantes cargos públicos: secretário de Habitação, diretor do Turismo, superintendente da Fundação de Esportes, entre outras funções.

Propostas

Julça afirma que conhece o executivo e legislativo e tem experiência pra bem representar a população na piramidal casa do povo peixeira, fiscalizando o executivo e legislando. Tem propostas pra contemplar a saúde, educação, moradia, segurança, mobilidade, bem estar animal, além da criança e idosos.

Deferimento

A entrada de Tiago Baltt (MDB) nas eleições da ex-capital do Jet Sky parece que atazanou muito os concorrentes. Denúncia encaminhada à promotoria eleitoral piçarrana pretendia cassar todas as candidaturas da coligação “Trabalhar Cuidar Crescer”, formada por MDB, PSC, DEM, PODE e PDT. Parece que tem gente graúda incomodada com a presença de Baltt no pleito.

A tretinha

Tudo seria por conta de uma das siglas da coligação, o PSC, que não registrou a ata de convenção no CANDex (Sistema de Registro de Candidatura). O partido não tinha conseguido a chave de acesso a tempo para a formalização. A agremiação partidária não lançou candidatos e por isso acreditou que não era necessária outra forma de publicar ou informar ao TRE.

Água no chope

Tão logo a notícia do pedido de indeferimento de Tiago Baltt havia caído nas redes sociais, zoiudos de plantão teriam observado o clima de patuscada na coligação Fabi e Vini. O festerê seria de que o Tapetão havia dado certo. Mas a reação da aliança “Trabalhar Cuidar Crescer” foi rápida e cirúrgica e a Justiça eleitoral acatou o pedido para exclusão do PSC da coligação. Eita mania feia de tentar ganhar no tapetão!

Douglas

O candidato a vereador de Itajaí, Douglas Cristino (MDB), acompanhado do seu primo, Wagner Cristino, visitaram o escriba. Douglas, que já foi vereador, busca retornar ao legislativo, onde conseguiu emplacar trocentas proposituras  durante o seu mandato.

Ciumeira

Aliás, diz que o fato de ter conversado com o prefeito, antes do pleito, sobre melhorias em uma série de ruas na ‘grande Cordeiros’, e o fato do prefeito Volnei ter lhe escutado contemplando vias com esgoto e, calçamento, teria gerado ciumeira em outros candidatos. Qui coisa, meu povo!

Processos

Os linguarudos da minha amada Camboriú sopram nos ouvidos do socadinho escriba que o Dotô Élcio Kuhnen passou o maior perrengue para registrar sua candidatura, pois no seu processo de registro foram apresentadas certidões positivas da Câmara de Vereadores, com processo de cassação tramitando, e da Justiça Estadual, com Ação Popular e Ação Civil Pública em andamento.

Sonho do Vice

Os processos do Dotô, além de colocá-lo em igualdade com a Loirosa Luzia Coppi (PSDB), afinal quem passou pelo cargo sempre responde essas buchas, também jogou um balde de água fria no pastor Júnior (PL).

Foro

O pastor Júnior, candidato a vice-prefeito, sonha dia e noite com a promessa de Élcio de renunciar no meio do mandato para ser candidato a deputado estadual. Será que o dotô tem coragem de perder o foro privilegiado, caceteia a oposição. Mas se for por esse caminho, Luzia estaria em busca do foro privilegiado, lascam os linguarudos. Arreda, raça de infelizes!

Fato

O fato é que as duas candidaturas foram deferidas pela Justiça Eleitoral e comprovam que os candidatos estão aptos para concorrer ao pleito, pois se não fosse assim a Lei da Ficha Limpa, que derrubou até o ex-presidente Lula, seria aplicada.

Os presidentes do PSL peixeiro, Fernando Pegorini e o do Podemos, Nikolas Reis, do comando da campanha do Robison Coelho (PSDB), visitaram a choupana

O candidato a vereador peixeiro, Julcemar Ferreira, o Julça, com o JC

O candidato a vereador peixeiro, Douglas Cristino, e seu primo Wagner Cristino visitaram o socadinho escriba

 

JC
JC é colunista político do Diarinho, o jornal que todo mundo lê, até quem diz que não. A missão do socadinho escriba é disseminar a discórdia, provocar o tumulto e causar o transtorno, para o bem da coletividade.
Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com