Negaram

Hmmm – Esse prédio na Brasil está abandonado há anos. No início do governo houve algumas manifestações a respeito da derrubada do dito cujo. Cheguei a ler numa página no Facebook que seria construído um memorial (??!!) em homenagem (!!??) ao Canal do Marambaia. Até postei um comentário que só vendo para crer e fui questionado. Pois bem, depois disso tudo o andar térreo do prédio recebeu vidros novos. Hmmm!! Acho que não vai rolar memorial nenhum.

Negaram
Sobre o desperdício de comida na secretaria de Educação, conforme escrevi na semana passada, fui informado que o “cardápio da merenda é elaborado de acordo com o levantamento per capita dos alunos, justamente para que não haja esperdício de alimentos e, também, para que não falte”. Então tá.

Tá ok
Aproveitei para perguntar sobre as duas semanas do período da greve dos caminhoneiros quando as crianças tiveram três dias de aula por conta de dois dias de conselho de classe, três de greve, um feriado e um ponto facultativo. A resposta foi na lata: conselho de classe está no planejamento da secretaria, feriado é feriado, ponto facultativo é ponto facultativo e os três dias da greve, só um deles será recuperado no dia 16 de novembro. Justificativa: “A rede municipal tinha dois dias a mais do que o obrigatório por lei no calendário escolar”. Então tá.

Ponto facultativo…
… é uma questão não resolvida pelo atual governo. É uma situação que só agrada mesmo o barnabé, pois quem tem filhos em creches ou nas escolas é uma naba. O prefeito FO, quando ainda era vassoura nova, até que tinha o discurso de se não acabasse, diminuir ia os tais pontos facultativos. Pois é. Ficou no primeiro ano. No segundo ano a farra dos PF voltaram com tudo.

No aguardo
A tal reforma administrativa, prometida para maio, ainda não ar da graça. Isso demonstra a falta de convicção do governo no documento que produziu para ser enviado à Câmara. Como diz um amigo meu reforma administrativa se faz no início do governo ou no fechamento. Durante é suicídio político.

Adesismo I
O tempo passa, o tempo voa, mas as entranhas da política não mudam nunca. Com a eleição de Fabrício Oliveira, partidos de oposição como PSDB, PP e Pão declaram apoio ao governo, mas muitos de seus membros sucumbiram a oferta de um emprego. Para quem exerce o poder cooptar é o negócio. Nesta altura, o adversário vale mais do que o aliado.

Adesismo II
Depois de Rubens Spernau (cantado em verso e prosa ser um quadro técnico mesmo filiado ao PSDB e ex-prefeito tucano) agora é a vez de Zélia Zanella, filiada ao PP e ex-candidata à presidente de associação. Foi nomeada diretora de escola. Com quem eu converso a opinião é que é uma boa nomeação. Não me refiro a competência da mulher, mas esta relação político partidária. Por essas e outras é que as pessoas não envolvidas neste mundinho não acreditam mais nos políticos. Fica a pergunta: na eleição que se aproxima o novo quadro do Novas Ideias (cada vez mais velhas) votará no representante do seu partido? Hmmm…

Te cuida…
… La Barrica, tão querendo te derrubar. Convenceram o novo superintendente da Fundação de Esportes, David Fernandes, a publicar um edital de inexigibilidade de licitação. O decreto chegou a ser publicado, mas foi anulado na sequência. Ui!!

Não deu
Um grupo de empresários de BC caiu no conto do vigário. Rolou até selfie no aeroporto, mas na hora do embarque para a Rússia não tinha avião nenhum. Pacote furado. Voltaram de Van prá casa.

Vidente
O vereador Marcelo Achutti anunciou em discurso na Câmara que o consórcio praia linda voltaria a prestar serviço a Emasa judicialmente. Há coisas no universo político que é difícil os mortais entenderem. Esse consórcio já teve seu contrato renovado por cinco vezes (?!?!).

Indutores I
Tirei uma ondinha sobre o retorno do consórcio lá no alto da Dinamarca e a resposta foi rápida: induziram o juiz ao erro e que a decisão seria reformada para hoje, sim, hoje.

Indutores II
É a segunda vez que ouço como argumento que as partes prejudicadas induzem o magistrado ao erro. A outra situação foi a ação das ONGs rebeldes no conturbado processo da formação do conselho da APA quando o desembargador deu decisão favorável. Induziram o desembargador ao erro, foi o que ouvi. Vamos ver. A prefeitura tem até dia 9 de julho para apresentar seus argumentos em busca “do acerto”.

Esse prédio na Brasil está abandonado há anos. No início do governo houve algumas manifestações a respeito da derrubada do dito cujo. Cheguei a ler numa página no Facebook que seria construído um memorial (??!!) em homenagem (!!??) ao Canal do Marambaia. Até postei um comentário que só vendo para crer e fui questionado. Pois bem, depois disso tudo o andar térreo do prédio recebeu vidros novos. Hmmm!! Acho que não vai rolar memorial nenhum.

Coluna do Bola
É editor da revista Photos e Imagens e já assinou a coluna Canard, do jornal Página 3.
Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com