Home Colunistas Coluna do Cláudio Humberto “Foi um debate de coincidências…”

“Foi um debate de coincidências…”

“Foi um debate de coincidências…”

Cláudio Humberto

Ex-presidente Michel Temer definindo seu debate com a rádio BandNews

Inércia mantém cobrança por bagagem e assento
O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM), mantém na gaveta desde dezembro de 2016 o projeto de resolução do Senado que anulou ato da Anac, a “agência reguladora” de Aviação Civil que instituiu a cobrança de malas. Para valer, a decisão precisa ser aprovada também na Câmara, mas o lobby das empresas aéreas é mais forte que a indignação dos brasileiros explorados. E a cobrança continua.

Mentira impune
Anac e empresas aéreas garantiram que a cobrança para transportar malas reduziria o preço da passagem. Era mentira.

Outro caminho
Rodrigo Maia chegou a afirmar que somente votaria a questão na Câmara “após o fim do duopólio” no setor. Ele não sabe o que diz.

Que ‘duopólio’?
Como só usa jatinho da FAB há anos, Rodrigo Maia parece não saber que, além de Latam e Gol, há também as empresas Avianca e Azul.

Mais uma malandragem
Noutra gaveta da Câmara dorme projeto que objetiva proibir a cobrança para marcar assento, malandragem também apoiada, claro, pela Anac.

Ratinho vive dilema
Tanto quanto Bolsonaro no caso Bebianno, o governador do Paraná, Ratinho Júnior, vive o dilema de demitir Guto Silva, chefe da Casa Civil, que levou para o governo a sujeira dos pés enlameados. Ele foi delatado por Nelson Leal Jr, ex-diretor DER-PR, por receber R$ 100 mil do desvio de recursos do pedágio para financiar campanhas eleitorais. Edson Casagrande, empresário, padrinho e financiador da campanha de Guto, já foi preso por corrupção e também aparece na delação.

Conterrâneos
O enroladíssimo Edson Casagrande, que foi secretário estadual de Assuntos Estratégicos, nasceu em Pato Branco, como Guto Silva.

Barra pesada
O esquema envolvendo Guto Silva levou à prisão por duas vezes o ex-governador Beto Richa, que responde a seis inquéritos de corrupção.

Não está só
Fontes próximas às investigações suspeitam que, além de Guto Silva, outros integrantes do atual governo do Paraná estejam no esquema.

Bebianno em Lisboa
O Itamaraty anda apreensivo: o preço cobrado por Gustavo Bebianno para sair calminho do governo foi assumir a embaixada do Brasil em Lisboa, hoje chefiada pelo ex-chanceler petista Luiz Alberto Figueiredo.

Hierarquia
Agora que o general Floriano Peixoto está confirmado ministro da Secretaria Geral, cria-se uma situação curiosa: um general de três estrelas vai chefiar um general de quatro estrelas, Maynard Marques de Santa Rosa, atual secretário de Assuntos Estratégicos.

Pode isso, Constituição?
O ministro do STF Alexandre Moraes julgou um caso de interesse do senador Eduardo Braga (AM), de quem foi colega de ministério no governo Temer: cassou liminar de Luiz Fux em decisão que flerta com censura a denúncias de corrupção contra o líder do o Senado, formalizadas pelo valente jornalista Ronaldo Tiradentes, de Manaus.

Pessimismo
Na estreia do jornalista Eduardo Oinegue no comando do programa das 12h na rádio BandNews, Michel Temer e FHC conversaram sobre crises. Temer minimizou o caso Bebianno e defendeu Bolsonaro.

Cultura na UTI
Técnico de som de Arthur Moreira Lima há mais de 30 anos, Murillo Corrêa está tão desolado quanto os fãs do pianista: iniciado em 2002, o projeto “Um piano pela estrada” está no fim por falta de patrocínio.

Novo líder da frente
O deputado Alceu Moreira (MDB-RS) assume nesta terça-feira (19) o comando da Frente Parlamentar da Agropecuária, considerada a maior e mais influente da Câmara, com mais de 250 deputados.

Pela liberdade de expressão
A Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e TV (Abert) vai lançar o “Relatório sobre Violações à Liberdade de Expressão” 2019; iniciativa para combater a violência contra profissionais de comunicação.

Ditador se isola
Deputados do Parlamento Europeu tiveram os passaportes confiscados e foram expulsos da Venezuela pelo ditador Nicolás Maduro, após se reunirem com Juan Guaidó, reconhecido como presidente do país.

Pensando bem…
…antes, crise era apagão aéreo, escândalo de corrupção e operação da PF. Agora, crise é briga de compadre.

PODER SEM PUDOR
Porcos poderes
A reação do irmão deputado de José Genoino, cujo assessor foi preso com dinheiro até na cueca, fez os antipetistas lembrarem no Congresso, na ocasião, uma história contada no interior de Minas sobre o caso do ladrão misterioso de porcos numa cidade. Certa vez, pela madrugada, um delegado flagrou o larápio carregando um enorme porco nas costas. Gritou:
– Então é você?!
O cara de pau jogou o porco no chão e gritou:
– Meu Deus, quem colocou este bicho em cima de mim?

Com André Brito e Tiago Vasconcelos
www.diariodopoder.com.br

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com