Home Colunistas Coluna do Cláudio Humberto “Ele produziu efeitos nocivos sobre a credibilidade da Justiça”

“Ele produziu efeitos nocivos sobre a credibilidade da Justiça”

“Ele produziu efeitos nocivos sobre a credibilidade da Justiça”

Cláudio Humberto

Raquel Dodge (PGR) ao pedir investigação do desembargador petista Rogério Favreto

CGU tapeou o TCU sobre acordo com a Odebrecht
Além da Advocacia Geral da União (AGU), também o Ministério da Transparência (CGU) assumiu por escrito o compromisso de submeter à análise do Tribunal de Contas da União (TCU) a minuta do acordo de leniência com a Odebrecht, protagonista no maior roubo da história. Mas o acordo foi fechado à revelia do TCU, beneficiando a empreiteira. Nem Emílio faria acordo tão camarada com o filho Marcelo Odebrecht. AGU ainda contou lorota: “o espaço do TCU foi preservado”. Não foi.

Escurinho do cinema
Na prática, AGU e Ministério da Transparência, órgãos do governo federal, esconderam do TCU os termos do acordo com a Odebrecht.

Irmãos camaradas
AGU e CGU acordaram uma multa irrisória à Odebrecht, ainda assim para ser paga em longuíssimas prestações, até o ano de 2040.

Palavra não honrada
O compromisso com o TCU foi firmado em ofício de abril, em poder da coluna, do secretário-executivo substituto José Marcelo C. de Carvalho.

Ataque aos críticos
Por meio de assessores, a AGU ataca o TCU. Diz que o tribunal “vaza tudo”, que “não queria o acordo” e os técnicos “querem protagonismo”.

DF: Frejat lidera
O ex-secretário de Saúde Jofran Frejat (PR) lidera com folga a disputa pelo governo do Distrito Federal com 25,4%. Em segundo, com 11,5%, aparece o governador Rodrigo Rollemberg (PSB), que pode ficar fora do 2º turno porque 69,6% dos eleitores afirmam que não votariam nele “de jeito nenhum”. Em terceiro está Eliana Pedrosa (Pros), com 9,8%. Dos entrevistados, 22,6% não votariam em nenhum dos candidatos.

Efeito Bolsonaro
General Paulo Chagas (PRP) tem 5,1%, Chico Leite (Rede) 4,9%, Izalci (PSDB), 4,4%, Alexandre Guerra (Novo), 3,2% e Joe Valle (PDT), 2%.

Rejeição generalizada
No quesito rejeição, a ex-deputada Eliana Pedrosa está nas alturas, 50,8%, mas rejeição ao líder Jofran Frejat também é alta: 43,1%.

Metodologia
O Paraná Pesquisas ouviu 1540 eleitores de 6 a 11 de julho. Margem de erro é 2,5%. Pesquisa registrada no TSE sob o nº DF-00150/2018.

Aposta petista
A estratégia petista de ingressar com múltiplos pedidos de soltura de Lula, preso por corrupção, não é apenas uma maneira de debochar do Judiciário. É uma aposta: vai que aparece outro juiz adorador de Lula…

Gangue dos combustíveis
Sem dourar a pílula, o deputado Givaldo Carimbão (PHS-AL) acha pouco chamar de “cartel” a ação das grandes distribuidoras de combustíveis, tipo BR, Ipiranga e Shell, contra a venda direta de etanol aos postos. Prefere chamar essa turma de “gangue”.

ANP faz vergonha
A Agência Nacional do Petróleo (ANP) se associou às distribuidoras que protege para insinuar que a venda direta do etanol não garantiria “qualidade”. É mentira. As usinas são submetidas a certificados de qualidade do tipo ISO. A fiscalização da ANP é que não garante nada.

Oportunidade perdida
Apesar da qualificação do novo ministro, o presidente Michel Temer perdeu outra ótima oportunidade de extinguir o Ministério do Trabalho, cuja inutilidade tem sido verificada há vários governos.

Tarefa
Ao empossar o novo ministro Caio Vieira de Melo, Temer disse que “a prioridade é o emprego”. Verdade. Mas o Ministério do Trabalho nada tem a ver com isso, e sim o Ministério da Fazenda.

Terra sem lei
O cancelamento de multas de caminhoneiros que cometeram infrações de trânsito segue a mesma lógica de impunidade de não descontar os dias parados mesmo quando greves são consideradas ilegais.

Enforcaram o ano!
A Câmara dos Deputados encerra o seu período mais improdutivo da história, com participação mínima dos parlamentares em decisões relevantes. Vai piorar no segundo semestre.

Golpe do telemarketing
Grandes empresas e bancos atiram no pé: terceirizam para várias empresas de telemarketing a tarefa de fazer contatos simultâneos com clientes, que são atormentados com dezenas de ligações, das 7h às 23h, até fim de semana. A Anatel, como sempre, finge que não sabe.

Pensando bem…
…depois de 143 habeas corpus negados de uma vez, fica a impressão que a meta dos defensores de Lula é atingir 171.

PODER SEM PUDOR
Um debilóide na Espanha
Quem achava o então presidente George W. Bush o mais medíocre e despreparado dos políticos americanos, não conhecia o irmão mais novo, Jebb, que governou a Flórida. Certa vez, em visita a Madri marcada por gafes, ele cometeu a indelicadeza de dizer que a Espanha seria “recompensada” pelo apoio à guerra no Iraque, e ainda errou nomes e cargos de autoridades locais. Ao saudar o debilóide, o chefe da mais antiga monarquia européia, rei Juan Carlos I, não perdeu o tom:
– É uma honra receber o irmão do rei dos Estados Unidos…
Com André Brito e Tiago Vasconcelos
www.diariodopoder.com.br

Compartilhe:

Deixe uma resposta