AMBIENTES ESTILO INDUSTRIAL

21/04/2017 08:00

Concreto sem acabamento, móveis rústicos, ferro, tubulação aparente e cores sóbrias marcam o estilo que é tendência em decoração. A sensação de “obra” não concluída é muito marcante nesse estilo.

A inspiração, ao contrário do que se imagina, pode vir de um passado não muito distante ocorrido na capital do mundo: Nova York!

Foi entre os anos 1950 e 1970 que o estilo industrial chegou à decoração graças à transformação de galpões e estúdios em moradia.

Esses espaços amplos, repletos de tijolos e tubulações aparentes, madeira, metal e muito concreto, servem de referência para a criação da casa contemporânea, que dispensa paredes em prol de ambientes integrados.

A casa com pé-direito alto tem paredes sem acabamento e tijolos aparentes, dando a sensação de estar em obra. O tapete de pelos e a roupa de cama dão a sensação de aconchego no quarto.

A iluminação com lâmpadas penduradas pelo fio, direto no bocal, caracteriza um estilo mais prático, enquanto os armários de madeira preta trazem o charme rústico ao ambiente.

O tijolo aparente cria uma parede neutra, que contrasta com os sofás e almofadas confortáveis. A mesa de centro de madeira, o guarda-corpo e as luminárias de ferro completam o ar industrial do local.

As paredes descascadas, a mesa de centro de madeira, o armário de ferro, as cores escuras, as luminárias, todo o ambiente com a pegada industrial.

O tijolo aparente é peça-chave do estilo industrial. Ali tem o mix dos tijolos cerâmicos com tijolos originais aparentes. O sofá de couro marrom e as almofadas de tons e materiais diferentes dão um toque rústico ao espaço.

A mesa de madeira ganha charme nos pés de ferro das cadeiras. E a parede descascada de propósito

A pia, o box, o espelho e o chuveiro são feitos de ferro, material marcante em espaços com pegada industrial.

O concreto aparente combinado à porta de ferro descascada, pode fazer com que a casa pareça fria. Como solução, usa-se de detalhes mais coloridos, como almofadas, e apostar nas plantas para deixar o ambiente equilibrado.

Nesse ambiente, são os detalhes que trazem o estilo industrial, como a mesa estilo carrinho de madeira de demolição.

Deixar a estrutura e a tubulação aparente marca a presença do estilo industrial.

Marcante e de muita personalidade, o estilo Industrial é muito “ame ou odeie”. Mas se você quer algo contemporâneo e arrojado, aposte nesse estilo que não tem erro.

FONTES: revistacasaejardim.globo.com / casavogue.globo.com

Autor: Daniela Prazeres

Arquitetura e Urbanista formada pela Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI) em 2003. Trabalha um estilo contemporâneo com uma pegada vintage. Aprecia cores alegres e adora revestimentos com materiais e texturas diferenciados. Fora do ambiente de trabalho, é viciada em seriados e adora curtir Balneário Camboriú com seus amigos.

Compartilhe: