Transparência da Jari

10/06/2019 19:27

Os vereadores de oposição na piramidal casa do povo, protocolaram no dia de hoje, projeto de lei que visa dar transparência às ações da Junta Administrativa de Recurso de Infração (JARI) da city peixeira.

Transparência
As excelências excelentíssimas no projeto, querem que as atas das reuniões da JARI sejam publicadas no Jornal do Município e disponibilizadas no Portal da Transparência, em sua integralidade ou de forma resumida, devendo conter na publicação, obrigatoriamente, a quantidade de recursos pautados e de recursos deferidos e indeferidos; quais os membros presentes e a remuneração de cada um, relativa à reunião, em reais, e a data da reunião e sua ordem cronológica.

O texto é assinado pelos vereadores Beto Cunha (PSDB), o bonzinho Edson Lapa (PR), o entisicado Fernando Pegorini (PP), o futebolista Nikolas Reis (PSB), Otto Luiz Quintino Junior, o Pingo d’Ouro (PRB), atucanado Robison Coelho (PSDB) e o galego Rubens Angioletti (PSB).

Foto (Divulgação)

Mulher Maravilha

05/03/2017 12:09

Após a nota na coluna do JC, no DIARINHO, no finde, teve leitor que questionou, como a procuradora do Munícipio e Porto, a Mulher Maravilha, ops, Silvia Wanderlinde Benvenutti, consegue lidar com questões que envolvem Porto e Prefeitura, muitas vezes, conflitantes?

Mulher Maravilha
A Junta Administrativa de Recursos de Infrações de Itajaí (JARI) conta com novos integrantes. Todos do novo governo. Um destes novos integrantes é a procuradora Geral, Silvia Wanderlinde Benvenutti, que é chamada de ‘Mulher Maravilha’. Afinal, além do cargo na prefa, é também procuradora no porto e, agora, integrante da Jari. Poderosa.

Foto (Divulgação)