Bolsonaro ataca ministro do Supremo

30/04/2020 16:40

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), fez um ataque ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes que suspendeu a nomeação na Polícia Federal do delegado Alexandre Ramagem, considerando que a nomeação feria o principio da impessoalidade.

Tiro no pé
Bolsonaro, lascou que Alexandre de Moraes foi guindado ao Supremo por ser amigo do então presidente Michel Temer (MDB). Foi um tiro no pé, pois retirou a questão do plano jurídico e, pessoalizando e, trouxe solidariedade dos pares na corte que já começaram a se manifestar.

Ataque ao Supremo
Os ministros se manifestam solidários, por conta de entenderem que o Supremo foi atingido de forma institucional. Vai ser muito, mas, muito difícil, transformar o pesadelo em sonho desse jeito. E, num é?

Foto (Divulgação)

Autor: JC

JC é colunista político do Diarinho, o jornal que todo mundo lê, até quem diz que não. A missão do socadinho escriba é disseminar a discórdia, provocar o tumulto e causar o transtorno, para o bem da coletividade.

Compartilhe: