Loucura

18/03/2020 10:40

Lógico que o primordial é a saúde da população e, principalmente dos grupos de risco, no caso os idosos e, pessoas com doenças crônicas que estão mais suscetíveis por conta da imunidade baixa aos malefícios do maledito coronavírus.

Temerário
O que não se pode aceitar é a loucura que tem tomado conta das pessoas que feito loucos acorrem aos supermercados como se estivéssemos na eminencia de uma guerra e fosse necessário fazer um estoque em um bunker pra poder sobreviver.

Coletivo
E, o pior é se realçar que vivemos de fato em uma sociedade individualista, onde as pessoas invadem os supermercados na ânsia de levar tudo pra si, não deixando que outras pessoas possam adquirir os produtos básico de alimentação e higiene. Um descalabro que tem que ser combatido em cada um. E, se for o caso, limitando acesso à quantidade por pessoa. É preciso pensar e agir pelo coletivo.

Aglomeração
Além disso é um contrassenso, quando as otoridades pedem e decretos estaduais e municipais proíbem a aglomeração de mais de 50 pessoas que os supermercados estejam abarrotados e, em grande parte com o pessoal que pertence aos grupos de risco. E, muitos desses fazem discursos, bronqueiam e recriminam instituições e o poder público, mas, fazem o que criticam. Falta juízo.