Abraço político, já!

29/11/2019 10:03

A Dubai Brasileira amanheceu, ontem, indignada com a morte de um filiado ao PT, Antônio Furtado, conhecido como Cacau, brutalmente espancado por uma pessoa que defende com unhas e dentes o governo do presidente Bolsonaro.

Convencimento
Todos tem direito de defender a ou b, ser de esquerda ou de direita. Democracia plena. O que não se pode aceitar é o extremismo. A violência. A estupidez de qualquer lado. A política é a arte do convencimento pelas ideias.

Briga Política
Segundo relatos enviados para a imprensa através do zapzap da PM, a motivação foi política, já que ambos defendiam suas posições políticas e no caso o agressor, chegou ao extremo.

Paulada
O coitado do Cacau levou tanta paulada que teve uma parada cardíaca e faleceu. Cacau, dizem os amigos, vendia bilhetes de Praiana na Avenida do Estado Dalmo Vieira.

Fla x Flu
A política nacional virou um verdadeiro ringue. Nas redes sociais, Leandro se dizia defensor da família, acabou destruindo a de Cacau e consequentemente a sua.

Alerta
O fato tem que virar um alerta para as pessoas, que não adianta ficar brigando por política. É hora da população se juntar. Ano que vem tem eleições municipais e também há rixa e rivalidade nas city da região por política local. Gente de todos os lados que prega ódio e violência. Isso tem que acabar!

Abraço político
Na city que é elogiada e premiada pelos diversos programas como Abraço à Vida, Abraço ao Idoso, Abraço ao Servidor, tá na hora do prefeito pop star, Fabrício Oliveira (PSB, por enquanto), criar o Abraço Político, pois a coisa pode ficar ainda mais séria.

Imagem ilustrativa

Autor: JC

JC é colunista político do Diarinho, o jornal que todo mundo lê, até quem diz que não. A missão do socadinho escriba é disseminar a discórdia, provocar o tumulto e causar o transtorno, para o bem da coletividade.

Compartilhe: