Feriadão moderno

30/04/2017 12:20

A moda mora nos detalhes e a atitude na sua capacidade de “carregar” o que você optou por vestir. Aposto no conforto, sorriso nos lábios e sempre um bom abraço para tornar qualquer look melhor.
Couro, seda, cetim, lurex, rendas, neoprene, lã, malhas, tricô…. todos tecidos diferentes, com cores, brilhos e texturas diferentes. Assim como nós misturamos estampas, as texturas também podem ser combinadas e recombinadas para criar visuais incríveis. A cada estação essas peças ganham novas releituras e, de acordo com a temperatura, criam duos, trios e até quartetos de roupas. Combinações inusitadas podem sim fazer a diferença.
Hoje algumas sugestões modernas, muitas me agradam, mas nem todas eu usaria, bom senso sempre, né mores, que podem e devem servir de inspiração para o seu feriadão, seu outono (que frio é esse, gente) e para sair por ai com bom humor. Aproveitem!

Jaqueta Bomber: aposte!

Aplicações e bordados em suas bombers

É verdade que a meia arrastão é moda? Sim, use!

Botas de cano curto e pernas de fora? Porque não!

Calça flare ou skinny? As duas, lógico! Ah, cintura alta né, mores!

Veludo? Sim ela mora nas peças e nos detalhes!

Escuto aqui em casa: mãe posso ir de jeans com jeans? Pode Marina!

De preto e vermelho? É hit, mesmo que você não seja ‘Flamengo e não tenha uma nega chamada Tereza’. Fica uma beleza!

Couro com bordados e taxas? Eu prefiro com um ou com outro, mas se a sua for os dois: se joga!

Terninhos ou xadrez? Gosto dos 3: terninhos, xadrez e do terno xadrez, neste último caso para as magras, ok!

Calça flare só com salto alto? Não. Fica bem bacana com tênis, mules (odeio mules) ou qualquer outro sapato baixo.

E poncho? Acho um charme bem quentinho. Olha essa sugestão!

Abuse da criatividade. Lógico: todo cuidado é pouco. Menos é mais. E, como vovó já dizia: o que é de gosto regalo da vida!
Me acompanhe nas Redes SociaisInstagram | Facebook | 

R.I.P. Belchior

“Tenho ouvido muitos discos, conversado com pessoas, caminhado meu caminho papo, som, dentro da noite e não tenho um amigo sequer que ainda acredite nisso não… Tudo muda e com toda razão…”
Morreu ontem, com 70 anos, Belchior, que embalou sonoras da vida… Ícone da Música Popular Brasileira!