Ômega 7, você conhece ?

03/07/2018 23:48

Oi meu povo!
No último Congresso Ortomolecular, final de junho, conheci o ativo, ômega 7, apesar de não se tratar de um ácido graxo novo, alguns estudos científicos acerca de seus efeitos no organismo ainda são recentes!  No entanto, mesmo sendo recente, especialistas estão animados com os resultados!A seguir, você vai conhecer quais são os principais deles:

Reduz os níveis de açúcar no sangue e aumenta a sensibilidade à insulina, prevenindo ou controlando o desenvolvimento da diabetes tipo 2;
Diminui as taxas do colesterol ruim (LDL) e aumenta as do bom colesterol (HDL), melhorando a elasticidade das artérias e a pressão sanguínea, o que evita uma série de doenças no sistema cardiovascular;
Combate inflamações e dores crônicas no corpo;
Auxilia no tratamento da chamada síndrome metabólica;
Controla o apetite, aumentando os hormônios que promovem a sensação de saciedade, e ajuda na perda de peso;
Melhora quadros de depressão e ansiedade, além de potencializar as nossas funções cognitivas, aumentando a capacidade de memorização, concentração e aprendizagem;
Renova os tecidos da pele e previne o envelhecimento precoce, evitando por mais tempo ou amenizando aparecimento de rugas, linhas de expressão, manchas de espinhas, eczemas, entre outros;
Hidrata os cabelos!
Efeitos colaterais e contraindicações:
Como você leu no decorrer desse artigo, os estudos científicos acerca dos benefícios do ômega 7 ou ácido palmitoleico ainda são recentes.

Sendo assim, também é válido ressaltar que os seus efeitos colaterais e contraindicações ainda não são conhecidos, o que significa que o consumo de alimentos ou suplementos ricos nesse nutriente deve ser feito de forma moderada e sempre com acompanhamento médico.

 

Onde encontrar ômega 7?

 

Já existe no mercado nutricional o Ômega 7 derivado de uma planta chamada sea buckthorn berries, originária da África e da Ásia, que contém tanto o ácido palmítico como o ácido palmitoleico. Para quem não sabe, a buckthorn berries é riquíssimo em antioxidantes, com cerca de 12 vezes mais vitamina C que a laranja!

A seaberry também cultivado no planalto Tibetano é a nova aposta no assunto!Estou louca pra conhecer! Quando estiver com o meu produto em mãos eu contarei para vocês!

 

Compartilhe: