Relembre o único título do Colo-Colo da Libertadores

12/09/2020 17:24

A série “Todo Resultado É Possível”, da Betfair.net, voltou ao ano de 1991 para recordar o único título chileno na história da CONMEBOL Libertadores.

A conquista surpreendente do Colo-Colo sobre o então campeão Olimpia é o tema do oitavo e último episódio, nas vozes dos embaixadores Mauro Cezar e Chico Garcia.

“Aquele título reúne histórias dignas de um roteiro cinematográfico. O Colo-Colo chegou à final após ter eliminado o Boca Juniors, com direito a um cachorro que mordeu as nádegas do goleiro argentino Navarro Montoya, durante uma verdadeira batalha campal nas semifinais”, recordou Chico Garcia.

A classificação para a final já era um feito heróico, mas os chilenos tinham tudo a favor para dar um passo ainda maior. Após um empate duro em 0 a 0 no jogo de ida, em Assunção, em que o goleiro Daniel Morón salvou o Colo-Colo, o Olimpia perdeu o artilheiro Samaniego, envolvido em uma briga de bar na véspera do segundo confronto, em Santiago.

Os mandantes foram para cima e aplicaram um 3 a 0, diante de 65 mil pessoas nas arquibancadas do Estádio Monumental, no dia 5 de junho, com dois gols de Perez, atacante que não havia disputado nenhuma partida daquela edição. O outro foi marcado por Herrera.

Jaime Pizarro, Lizardo Garrido e Raúl Ormeño eram outros destaques da equipe chilena, comandada na época pelo croata Mirko Jozic. Ele se tornou o primeiro técnico não sul-americano a conquistar a Libertadores.

“O futebol chileno jamais havia celebrado um título da competição, o que era uma mágoa para os torcedores das grandes equipes, incomodados com a impossibilidade de chegar ao topo da América. Mas, em 1991, o Colo-Colo fez história. Foi uma campanha surpreendente”, comentou Mauro Cezar.

Campeão chileno em 1990, o Colo-Colo foi convincente já na fase de grupos da Libertadores, quando se classificou em primeiro no grupo formado pela LDU de Quito, Barcelona de Guayaquil e o outro representante chileno, Deportes Concepción. A sequência foi de triunfos em mata-mata nos confrontos com Universitario do Peru, Nacional do Uruguai e o temido Boca Juniors da Argentina.

A série “Todo Resultado É Possível” fez os fãs recordarem oito momentos memoráveis da competição, em que o futebol quebrou prognósticos e mostrou por que é o esporte mais popular do mundo.

A atração da estreia foi o título do Flamengo em 2019, com uma vitória incrível nos minutos finais sobre o River Plate por 2 a 1, em Lima. Em seguida, os embaixadores recordaram o fim da “maldição” das oitavas do Grêmio na Libertadores, com o triunfo sobre o Godoy Cruz (ARG), em 2017; a vitória de virada do Internacional sobre o Chivas Guadalajara (MEX) por 3 a 2 na decisão de 2010; o golaço de Cleiton Xavier que salvou o Palmeiras em 2009; o triunfo do Santos sobre o Colo-Colo na fase de grupos em 2011, que marcou uma reviravolta para a equipe de Muricy Ramalho no caminho até o tricampeonato; a defesa de Cássio que alavancou o Corinthians para a conquista inédita em 2012; e a surpreendente conquista do Once Caldas sobre o Boca Juniors, em 2004.

 

 

Autor: Flávio Perez

Flávio Perez é jornalista esportivo e gestor de esportes.

Compartilhe: