Formula E atualiza proibição das corridas no primeiro semestre

16/04/2020 18:08

Com medidas restritas de contenção ainda sendo implementadas globalmente pelos governos para limitar a propagação da pandemia de coronavírus, a Fórmula E, juntamente com a FIA, decidiram em conjunto estender a suspensão da temporada até pelo menos o final de junho.

A Fórmula E e a FIA continuam a usar seu sistema baseado em bandeiras para determinar o status de cada corrida. Uma bandeira vermelha representando que não haverá corridas, uma bandeira amarela indicando uma janela de tempo para potencialmente reiniciar as corridas e uma bandeira verde indicando que estamos prontos para correr novamente.

Com isso, é possível confirmar que as bandeiras vermelhas foram aplicadas nos meses de maio e junho, o que significa que o E-Prix de Berlim não irá mais ocorrer como originalmente planejado para o dia de 21 de junho.

Julho tornou-se um mês de bandeira amarela, com a oportunidade de sediar eventos ou reagendar corridas que permanecem abertas caso a situação do coronavírus se estabilize.

Nosso objetivo é retornar às corridas o mais rápido possível, mas nossa prioridade em todas as tomadas de decisão será sempre a saúde e a segurança de nosso staff e de toda a comunidade de equipes, fabricantes, parceiros, pilotos e fãs da Fórmula E, além dos cidadãos e residentes das cidades em que corremos.

Estamos avaliando todas as opções disponíveis para terminar a temporada com o maior número de corridas possíveis. Esse planejamento de contingência continua a explorar corridas com portões fechados, usando instalações permanentes de pista, introduzindo novas rodadas duplas e estendendo a temporada além da data final original.

Os titulares de ingressos para o E-Prix de Berlim serão contatados com mais informações no devido tempo.