Australiano Will Oxley quer correr a The Ocean Race 2021-22

23/01/2020 01:09

O velejador australiano Will Oxley está disposto a dar mais uma volta ao mundo em uma equipe da The Ocean Race, competição marcada para ter início em outubro de 2021.

O atleta que já correu três vezes a competição internacional acredita que sua história na Ocean Race ainda não terminou.

Will Oxley tem 54 anos e está em plena forma, com resultados expressivos nas regatas oceânicas RORC Caribbean 600 e Fastnet Race.

Em entrevista ao portal Tip & Shaft, o australiano destacou a força da classe IMOCA, que fará parte das regatas na edição 2021-22.

“Os IMOCA oferecem uma chance de voltar a navegar mais. Já corri em 2007 a bordo de um modelo de 60 pés com o Brian Thompson. Foi a melhor velejada da minha vida”, disse o velejador australiano.

Will Oxley se referiu a edição da Transat Jacques Vabre, que naquela oportunidade também parou em Salvador (BA).

“Gostaria de sentir que ainda não terminei minha passagem em regatas em todo o mundo, gostaria de me envolver com pelo menos mais uma”.

O experiente navegador australiano, que percorreu quase 300.000 milhas de circunavegação na carreira, velejou mais recentemente a bordo do Team Alvimedica na edição 2014-15, ao lado de Charlie Enright e Mark Towill, do 11th Hour Racing Team.

Oxley foi fundamental na bem-sucedida campanha da Alvimedica, onde, como a equipe mais jovem da edição 2014-15, superou as expectativas de liderar a flotilha em torno do Cabo Horn – e vencer a etapa final em Gotemburgo.

“A regata ainda está em evolução.  Eu acho que os IMOCA são obviamente os melhores, mas o que realmente precisa é de mais equipes”.

”Será uma prova difícil e pode ser que com mais barcos funcione melhor.  Estou interessado [em me envolver na regata] tanto de fora quanto a bordo”.

Autor: Flávio Perez

Flávio Perez é jornalista esportivo e gestor de esportes.

Compartilhe: