Te Aihe, o barco do Emirates Team New Zealand para a America’s Cup 2021

06/09/2019 17:33

 

Bem-vindo, Te Aihe

O golfinho bateu na água pela primeira vez e foi lançado pelo Emirates Team New Zealand para a America’s Cup 2021.

Como manda a regra, o detentor do título escolhe o local das regatas e o modelo do veleiro para os matchs finais.

Ah, eles já estão na final também.

O Emirates Team New Zealand batizou seu primeiro com destaque para Marcus Gerbich – membro da Fundação MND – e abençoado por Ngati Whatua.

O Diretor de Operações da Emirates Team Nova Zelândia Kevin Shoebridge, que supervisionou o desenvolvimento e o lançamento de muitos barcos ao longo dos anos, estava especialmente orgulhoso de testemunhar o surgimento do Kiwi AC75 pela primeira vez.

“Está é uma ocasião significativa para equipe, não apenas por ser outro barco novo, mas porque quando vencemos a America’s Cup, em 2017, tivemos que criar rapidamente um novo conceito de barco, que continuaria a impulsionar a competição”, disse Kevin.

Sobre o barco

A classe AC75 é um monocasco de 75 pés e alto desempenho.

A regra da classe é aberta o suficiente para garantir uma ampla margem de liberdade aos projetistas.

O mastro da Emirates Team New Zealand foi construído em Southern Spars, em Auckland, enquanto a mastreação foi da Future Fibers, em Valência.

Os braços de alumínio, construídos em Persico Marine, na Itália, são o resultado de um projeto liderado pelo Luna Rossa Challenge, com a colaboração de todas as equipes da America’s Cup e a consultoria de engenharia composta da Nova Zelândia Pure Design and Engineering.

 

Números

23: o comprimento em metros do novo barco
26.5: a altura em metros do mastro do deck
11:  tripulação a bordo
6.5: o peso em toneladas do barco
5: a viga máxima do barco e o calado máximo
65: número de pessoas trabalhando no projeto e construção do barco.
Mais de 100.000: número de horas de trabalho necessárias para projetar e construir o barco.
2021: a 36ª Copa América ocorrerá de 6 a 21 de março de 2021
1851: o ano em que a Copa da América nasceu
3: Vezes que a Nova Zelândia venceu a America’s Cup

Autor: Flávio Perez

Flávio Perez é jornalista esportivo e gestor de esportes.

Compartilhe: